André Gago arrasa programa de Fátima Campos Ferreira na RTP

Esta já não é a primeira vez que o actor André gago critica a RTP.

Desta vez, foi o programa “Primeira Pessoa” que a jornalista Fátima Campos Ferreira apresenta, o alvo das suas críticas:

O PROBLEMA DA HABITAÇÃO

A discussão não passa seguramente pelo painel absurdo que agora está no ar na RTP: António Costa Silva, Maria José Morgado, Eduardo Souto Moura, Nini Andrade e Silva e Rui Veloso dizem coisas sobre este e outros problemas e dão o seu sumário contributo para “pensar a sociedade Portuguesa pós pandemia e os desafios que estamos a enfrentar”. Escolhidos a dedo, parece, mas ainda não é Natal, que eu saiba, e portanto há coisas que eu não consigo perceber a não ser pelo facto de nos serem enfiadas pelos olhos e pelos ouvidos dentro e, ao contrário do óleo de fígado de bacalhau, não serem benéficas nem para a saúde nem para nada.

Já o poeta, esse, fala de tudo, e não só pode como faz bem em falar. E este poema é mesmo para desligar a televisão e o seu pequeno aparato de burguesia a cores e em prime-time, para fazer ressoar e ecoar algumas das palavras que contam: Ruy Belo, neste caso, cujo poema me veio de imediato à memória como um assomo da lucidez necessária.

Oh as casas as casas as casas

Oh as casas as casas as casas

as casas nascem vivem e morrem

Enquanto vivas distinguem-se umas das outras

distinguem-se designadamente pelo cheiro

variam até de sala pra sala

As casas que eu fazia em pequeno

onde estarei eu hoje em pequeno?

Onde estarei aliás eu dos versos daqui a pouco?

Terei eu casa onde reter tudo isto

ou serei sempre somente esta instabilidade?

As casas essas parecem estáveis

mas são tão frágeis as pobres casas

Oh as casas as casas as casas

mudas testemunhas da vida

elas morrem não só ao ser demolidas

Elas morrem com a morte das pessoas

As casas de fora olham-nos pelas janelas

Não sabem nada de casas os construtores

os senhorios os procuradores

Os ricos vivem nos seus palácios

mas a casa dos pobres é todo o mundo

os pobres sim têm o conhecimento das casas

os pobres esses conhecem tudo

Eu amei as casas os recantos das casas

Visitei casas apalpei casas

Só as casas explicam que exista

uma palavra como intimidade

Sem casas não haveria ruas

as ruas onde passamos pelos outros

mas passamos principalmente por nós

Na casa nasci e hei-de morrer

na casa sofri convivi amei

na casa atravessei as estações

Respirei – ó vida simples problema de respiração

Oh as casas as casas as casas

Ruy Belo

Todos os Poemas

Lisboa, Assírio & Alvim, 2000“, escreveu o actor

3 thoughts on “André Gago arrasa programa de Fátima Campos Ferreira na RTP

Add yours

  1. Não me sai da cabeça a “aberração”
    que disse Souto Moura sobre a obrigatoriedade das casas terem que respeitar a legislação para pessoas com deficiência !!!!
    Foi dito em direto e ao vivo
    e sem que ninguém contestasse!!
    Lamentável!!

  2. Fatima pobre ds espirito. Ja devia ter deixado o ecra, o ecra, como fez Judite de Sousa. Mas a RTP e publca ficam lá até se mumificarem

  3. O meu comentário vai para a intervenção do sr Souto Moura sobre as regras para deficientes nas construções, a mesma foi tão mas tão absurda, desumana ,numa palavra , HORRÍVEL que só pensar que existem pessoas assim, dá nauseas e mais não digo

Deixe uma Resposta para Anónimo Cancelar resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

EM CIMA ↑