Cláudia Semedo vai ter programa na RTP1 em horário nobre.

Cláudia Semedo voltar a ser contratada pela estação pública para apresentar um programa no horário nobre da RTP1.

A actriz e apresentadora não estará sozinha neste novo programa, vai ter a companhia do repórter do “Agora Nós“, Tiago Góes Ferreira.

O programa é um original da SP Entertainment e tem como nome “Message in the Bottle“, que em português significa “Mensagens na Garrafa”.

Este novo programa vai ser exibido a partir de setembro, no horário nobre das noites de sábado e tem como objectivo, durante 8 semanas, dar a conhecer 16 percursos de vida, de elementos da diáspora lusitana espalhada pelos 4 cantos do mundo.

É um projecto aliciante e enriquecedor” começa por dizer Cláudia Semendo que confirma que foi um convite “irrecusável” até porque é o seu “regresso à RTP e ao horário nobre” e, acrescenta que se trata de “um grande desafio“.

tiago-700x466

Na foto: Tiago Góes Ferreira que irá partilhar o novo programa com a Cláudia Semedo.

Direcção da RTP barra transmissão de programa na RTP3

Durante meses a fio, a RTP3 acolheu o programa sobre a vida animal feito 100% por portugueses, em Portugal e pela prata da casa.

Sem dar qualquer explicação, a direcção da RTP mandou retirar do ar o programa assinado pelo jornalista Luís Henrique Pereira, “Natureza e Vida Selvagem – RTP”.

Foram dadas ordens para não serem transmitidos na RTP3 mais mini documentários!!!! Sabemos lá porquê????” – conta à VOX POP TV membro da equipa do programa.

O programa sobre a vida animal, produzido 100% pela a RTP chegou  a ser transmitido na RTP1, RTP2 e RTP3.

Também a RTP Memória decidiu repetir “A Vida Animal”, produzido há alguns anos pela mesma equipa do programa que agora foi barrado na antena do canal de notícias da estação pública.

Marco Borges – ex-Big Brother TVI – agrediu funcionário.

No refeitório estavam mais de 150 pessoas: de um lado generais e chefes de serviço, do outro funcionários. Não havia talheres e o assunto deu origem a uma discussão entre quatro empregados, no momento em que Marco Borges entrava na sala. O militar não gostou do que ouviu e chamou um deles à parte: “que se passa, Francisco?”, pergunta já dentro do armazém da cozinha, enquanto dispára a primeira bofetada.

Esta é a versão de Francisco Soares Domingos, funcionário do departamento de transportes da Copede – empresa de segurança com sede em Luanda – há mais de dez anos. Queixa-se de ter sido agredido sem justificação: “a primeira bofetada atirou-me contra a parede. Depois deu-me outra e quando tentei sair levei dois socos no peito que me deitaram ao chão”, conta o funcionário, que fez queixa à polícia local e à Inspecção-Geral do Trabalho.

Contactado pela SÁBADO, Marco Borges não quis prestar declarações, alegando que o caso se encontra em investigação, escusando-se a comentar “assuntos da vida interna da empresa”. O ex-fuzileiro vive em Luanda desde Janeiro de 2014, onde lidera a área operacional e técnica da Copede. Tem à sua responsabilidade um efectivo de quatro mil homens. No próximo dia 31 vai ser ouvido no âmbito deste caso.

Um Texto de: André Rito – Jornalista da Sábado

img_757x426$2013_06_16_00_26_00_310650.jpg

RTP1 contrata ex-apresentador da SIC

Se na área da informação, liderada por Paulo Dentinho, as contratações não têm fim à vista, na área de programação, liderada por Daniel Deusdado e Nuno Artur Silva, o mesmo parece acontecer…

Idevor Mendonça, ex-apresentador do programa “Curto Circuito – All Star”, emitido na SIC Radical é a mais recente contratação da RTP para a área de entretenimento.

Idevor Mendonça vai ser um dos repórteres do programa “Praias Olímpicas” que a RTP1 vai emitir este ano.

Malato triste com a RTP | Media & TV – VOX POP TV

É aos 51 anos de idade que José Carlos Malato enfrenta o deserto na RTP, sob  a direcção de Daniel Deusdado.

Numa entrevista exclusiva a uma revista semanal, o apresentador da RTP confessa-se triste com a RTP e diz que sente que poderia dar muito mais à RTP do que actualmente dá.

“Deixei de ser uma figura principal da RTP”

A situação na qual se encontra na estação pública, sem programa,  não está a ser nada fácil para José Carlos Malato, o próprio confessou isso mesmo: “Era para ter ido ao Brasil, por causa dos Jogos Olímpicos, mas, entretanto, existiram umas questões que não se resolveram… Mas isso não quer dizer que não vá…“, atira.

Cartaz RTP chegou ao fim

Com o fim do único programa que apresentava na RTP1, José Carlos Malato tem esperança que em setembro lhe seja atribuído um novo programa, até porque não sabe se o “Cartaz RTP” volte à antena da estação pública: “Acabou  a temporada do Cartaz RTP, e ainda não sei se vai voltar. Estou na expectativa do que vai acontecer, mas hão-de vir aí boas notícias“, desabafou.

MALATO NA PRATELEIRA

Com mais de 10 anos ao serviço da RTP, Malato nunca esteve na prateleira como está agora e, apesar desta situação, garante que a RTP é a sua casa: “Sinto que posso dar muito mais, mas também sinto que, do ponto de vista da direcção, estão a perceber isso.. Portanto, tenho muita esperança de que vão aproveitar essas minhas capacidades para o futuro“, diz.

Confrontado com a pergunta se se sente na prateleira, Malato respondeu assim: “Realmente, não estou à frente, estou mais de lado, mas é o que é agora. Acho que toda a gente já passou por isso. Mas tenho muita esperança .. De facto deixei de ser uma figura principal. São mais os humoristas, pois a RTP deixou de ser uma televisão de figuras, ou seja, não há vedetas. Mas não sou, de facto, uma figura principal, como estava habituado a ser.

A NOVA DIRECÇÃO DE DANIEL DEUSDADO

Já sobre a actual direcção de programas da RTP1, liderada por Daniel Deusdado, José Carlos Malato diz o seguinte: “Claramente houve uma opção por outros conteúdos e outras pessoas (…) Isso não posso negar

É a primeira vez que estou a passar por isto  e não nego que é um bocadinho difícil. Todavia, acredito que, mais cedo ou mais tarde, isso vai ser valorizado” , disse no fim da entrevista.

Paulo Dentinho no lugar deixado por António Esteves Martins? Há quem garante que sim…

Porque razão o lugar de correspondente da RTP em Paris ainda continua por preencher, quase 2 anos após Paulo Dentinho o ter deixado para assumir o cargo de Director de Informação da RTP?

Esta é uma pergunta sem resposta …

A informação da RTP está envolta em novas mudanças mas, Paulo Dentinho continuará a ser o Director de Informação da RTP. A RTP3 será o coração da informação da estação pública e será dali que sairão as directrizes para a informação dos outros canais do grupo da RTP.

Vítor Gonçalves ficará ao leme da informação da RTP1, enquanto Hugo Gilberto será o Adjunto da informação da RTP Porto e da RTP Desporto e terão de reportar a Paulo Dentinho.

ANTÓNIO JOSÉ TEIXEIRA COM MAIS PODER NA RTP

Já o ex-director da SIC Notícias, José António Teixeira, irá ter poderes reforçados como  Director-Adjunto. É o que mais poder terá dentro da informação da RTP3 e terá a seu lado a ex-jornalista da SIC Joana Garcia como Sub-Directora.

DENTINHO NO LUGAR DE ANTÓNIO ESTEVES MARTINS?

E é aqui que o cargo de Delegado da RTP em Bruxelas estará guardado para Paulo Dentinho, caso as coisas lhe corram mal e António José Teixeira lhe “roube” o lugar de Director da RTP. Esta informação é adiantada por uma fonte próxima da RTP que conta que o lugar ocupado antes pelo jornalista António Esteves Martins está “guardado como prémio para Paulo Dentinho“.

Vítor Gonçalves consegue o cargo com que sempre sonhou na RTP

Vítor Gonçalves que actualmente apresenta o programa “Grande Entrevista” na RTP3, vai assumir novas responsabilidades na informação da estação pública.

Vítor Gonçalves é, ainda um dos nomes apontado por ter “feito a folha ao jornalista António Esteves Martins” e que ditou a saída do histórico correspondente em Bruxelas da RTP.

Agora, também ele vai ter prémio: assume o comando da informação da RTP1, mantendo-se como director-adjunto.

Não é ainda o lugar de Director de Informação que tanto sonha, mas … já não está muito longe!

Há petróleo na RTP: André Macedo vai ganhar muito dinheiro

A mais recente contratação da RTP para a área de informação vai custar muito à estação pública.

O jornalista André Macedo vai comandar os canais internacionais da RTP, nomeadamente o canal RTP Internacional e África.

Em relação ao ordenado que irá receber na RTP, o valor mensal será de 9 MIL EUROS!

É caso para dizer que há petróleo na RTP … e não é para todos os seus profissionais.

Novo Drama: actriz Maria José operada à cabeça | Recuperação está a ser complicada

A conceituada actriz Maria José,  de 88 anos, volta a enfrentar graves problemas de saúde.

Na semana passada, a filha de Maria José, a actriz Rita Ribeiro voltou a ficar com o coração nas mãos depois de a sua mãe ter sido operada a um coágulo na cabeça.

Contactada pela a imprensa, Rita Ribeiro diz que a sua mãe, Maria José, “está a recuperar dentro dos possíveis”.

800.jpg

800ilucfxdtezfcybunoikmpnjobhgucfyxvguhbnj.jpg

img_650x412$2016_03_25_16_58_48_118820.jpg

 

 

 

 

Canal AMC: MEO perdeu a exclusividade. Agora também na NOS!

O canal AMC era um exclusivo da operadora MEO até agora, pois a operadora NOS já garantiu os direitos de distribuição para os seus clientes.

A MEO perde, assim, a exclusividade que tinha sobre este canal dedicado às séries que em 2007  estreou a sua primeira série original, que se tornou num sucesso de audiências, o “Mad Men”.

A partir de agora, quem tem NOS e MEO terá aceso ao AMC.