Tânia Ribas de Oliveira envia mensagem de Parabéns a Zé Pedro Vasconcelos

Parabéns Zé Pedro!

No dia em que o apresentador da RTP, José Pedro Vasconcelos completa 42 anos de vida, a colega e amiga Tânia Ribas de Oliveira escreveu-lhe uma mensagem a felicitá-lo por mais um aniversário:

Foto: facebook Tânia Ribas de Oliveira

“A Nossa Tarde” sobe nas audiências após polémica

A Nossa Tarde – RTP

Após a polémica em torno de uma entrevista feita a um neonazi, a 24 de outubro, nas tardes da estação pública por Tânia Ribas de Oliveira, o programa “A Nossa Tarde” subiu nas audiências.

Esta quarta-feira, Tânia Ribas de Oliveira e o seu programa registaram 2,2% de rating e 11,1% de share. No dia anterior, terça-feira, o dia em que nas redes sociais se falava da entrevista a um neonazi, o programa das tardes da RTP1 registou, apenas, 1,6% de rating e 9,7% de share.

Ainda esta quarta-feira, o programa “Júlia” recuperou a liderança depois de ontem, a ter perdido para a TVI. Júlia Pinheiro entregou à SIC 4,0% de rating e 18,0% de share.

Fátima Lopes e o seu “A Tarde é Sua” entregaram à TVI 3,5% de rating e 13,5% de share, voltando a ocupar o segundo lugar do pódio.

NOTA: os dados aqui apresentados são da responsabilidade da CAEM/Gfk. (Dados Live+Vosdal)

ÚLTIMA HORA: Tânia Ribas de Oliveira pede desculpa

Última Hora

Depois da polémica de ontem, a apresentadora da RTP decidiu emitir um Comunicado onde dá conta da sua posição sobre a entrevista que fez ao neo-nazi Nuno Cláudio Cerejeira, emitida no dia 24 de outubro. No seu Comunicado, Tânia Ribas de Oliveira pedes desculpas aos telespectadores do seu programa.

Telespectadores criticam fortemente RTP e Tânia Ribas de Oliveira

Polémica na RTP

Está instalada a polémica na estação pública de televisão, após Tânia Ribas de Oliveira ter entrevistado um neo-nazi no programa “A Nossa Tarde”, que é pai de tri-gémeos.

A associação SOS Racismo emitiu um comunicado que depressa se tornou viral nas redes sociais, no qual critica a RTP por causa da referida entrevista.

Nos diversos sites de TV, de revistas e jornais não faltam críticas à RTP e a Tânia Ribas de Oliveira.

Eis algumas críticas que os portugueses estão a fazer sobre esta entrevista:

  • ” Julgo que é crime em Portugal promover o ódio e ideais fascistas. Foi o que a RTP fez ao humanizar um criminoso e promove-lo como um papá fofinho. “
  • ” Chega a ser mais ofensivo o pedido de desculpas que o próprio erro, em si. Dizer que não o sabiam é, literalmente, estar a atirar-nos “areia aos olhos”. Como podem negar algo que “está na cara”?! Shame on you!!! ”
  • ” Não olharam para a testa do ser, certo? Porque basta olhar, literalmente, basta olhar para A TESTA do indivíduo. “
  • ” Como é que iam adivinhar , não é como se ele tivesse escrito na TESTA que era nazi . “
  • ” Tão crentes, e tão ingénuos. Vale tudo para captar audiências. Tudo com Alzheimer.O “senhor ” nunca foi mencionado nos telejornais , O provedor agora é que se podia pronunciar. “Se Deus quiser”. “
  • “É vergonhoso a Tânia Ribas entrevistar um neonazi”
  • ” Nem acharam estranho as tatuagens com suásticas ou a tatuagem na testa? Que grande azar, realmente… “
  • “O José Fragoso desfez a melhor dupla da televisão portuguesa para fazer um programa onde nazis entram pela porta grande”
  • ” Um pedido de desculpas a que mao Pai cujo o filho foi assassinado por esse ser ??.Agora que é pai vem para a tv ? Todo orgulhoso de ser Pai…Havia um pai que era orgulhoso de um filho que essa besta matou Pedido de desculpas RTP a que ficou ofendido??? Surreal desumano .. “
  • ” A produção do programa simplesmente não fez o trabalho de casa. Lamentável e grave, tendo em conta tratar-se do canal público de televisão. #
  • ” Que grande topete! Não verificaram, não foram ver quem promovem (onde está a produção?), e não olharam para a cara do gajo? Tem literalmente escrito na testa!!! Este comunicado é tão mau como o programa. “
  • ” Não sei se será mais incrível a equipa de produção não ter percebido ou o facto de um nazi condenado vir à televisão recomendado e acompanhado pela diretora de uma Fundação de solidariedade “
  • “Privatizem a RTP. Estou farta de pagar para ver programas de merda e dar antena aos nazis deste mundo. Fechem portas”
  • “A RTP, a Tânia e o Fragoso devem um pedido à família do rapaz que foi morte e que esse nazi tem culpa”
  • ” espero que já tenham pronta a carta com pedido de desculpas da administração da RTP para enviar à família do Alcindo Monteiro “
  • ” E a apresentadora e quem lhe acompanhou não percebem nada das tatuagens que o indivíduo usa ?? “
  • ” Devolvam-me o dinheiro dos meus impostos mas é. “
  • ” Isto significa que os coordenadores dos programas não questionam quem são as pessoas que entram nos programas…. nem tão pouco se as histórias contadas são verdadeiras ou não. “
  • ” Este comunicado é o exemplo perfeito de “é a pior a emenda que o soneto”.. “
  • ” “A coordenação do programa A Nossa Tarde não teve (para se maçar muito com um background check que podia ter sido feito em cinco minutos) […] sobre os antecedentes criminais do pai (porque, na realidade, isto dos meios de comunicação fazerem pesquisa é demasiado século XX pronto, assim fica mais claro. “
  • ” acharam piada ao facto de se chamarem Cláudio e Cláudia, com certeza. tudo ridículo! é o machado na tvi, é este na rtp. a televisão portuguesa cada vez mais a transformar-se em trash tv. “
  • ” Resultou bem para a TVI com o Mário Machado e aqui estão a tentar a mesma jogada, é isso? Não vale tudo em nome das audiências e dos cliques. O assunto torna-se ainda mais grave quando protagonizado por uma estação pública. Isto não é serviço público, pelo contrário. “
  • “vERGONHA DA tÂNIA”
  • “a tania que diz ser do bem e afazer esta figurinha. vergonha precisa.se”
  • ” Relembro que o Mário Machado foi o início da morte do Você na TV “
  • ” Uma dica, RTP1: “pedimos desculpa a todos quantos se tenham sentido ofendidos” não é um pedido de desculpas. As verdadeiras desculpas são incondicionais. Duvido que o homem que o vosso pai-coragem teve a coragem de assassinar se sinta ofendido. Está demasiado ocupado a estar morto por linchamento no Bairro Alto. O que gostávamos era que vocês, como televisão pública, estivessem cá para se sentir ofendidos por ele. Mas não me está a parecer. “
  • “É uma vergonha este programa da Tania ribas de oliveira a dar tempo de antena a neo-nazis. Acabem com esta trampa na tv pública!”

Polémica na RTP: programa “A Nossa Tarde” com entrevista a neo-nazi

Polémica na RTP

Foi no passado dia 24 de outubro que a RTP e Tânia Ribas de Oliveira receberam no programa “A Nossa Tarde” Nuno Cláudio Cerejeira, um neo-nazi condenado a prisão por crimes de ofensas corporais, para falar do facto de ser pai de tri-gémeos. Actualmente, Nuno Cláudio Cerejeira é militante da causa neonazi e elemento dos Hammerskins em Portugal e proprietário do Club 38, restaurante onde muitas vezes se reúnem os membros do grupo.

A associação SOS Racismo considera invulgar que a estação pública apelide de “pai extremoso” a Nuno Cláudio Cerejeira, um dos envolvidos nas agressões raciais que, a 10 de junho de 1995, provocaram dezenas de feridos e que levariam à morte de Alcindo Monteiro.

Ribas de Oliveira, a apresentadora do programa da RTP, contou durante a emissão a história de como a Fundação Ronald McDonald ajudou Nuno Cláudio Cerejeira e a sua mulher que teve tri-gémeos prematuros.

A SOS Racismo questiona a RTP “se o tempo de antena utilizado” para exibir “paz familiar de um neonazi não previu, por desresponsabilização ou por ignorância, a possível repercussão no seio familiar das suas vítimas.” e Acrescenta “Não podemos ignorar que, numa altura em que os discursos de ódio vão ganhando espaço e legitimidade institucional um pouco por toda a Europa, a televisão pública em Portugal eleja por modelos familiares propagandistas da causa neonazi.

A SOS Racismo critica ainda a RTP (“paga com dinheiro dos contribuintes”) por “suavizar a imagem de um indivíduo comprovadamente envolvido num crime de ódio racial, acerca do qual nunca demonstrou arrependimento por um segundo televisivo que fosse”.

Durante a entrevista, pode-se ver que Nuno Cláudio Cereja tem a testa coberta de tatuagens de índole nazi, bem como o pescoço e os braços. Faz parte da instituição de solidariedade Luz Branca, que ajuda apenas “crianças brancas” em contextos de carência.

Citado pelo Expresso no âmbito de buscas realizadas na Skinhouse/Club 38, Cláudio Cerejeira afirmou: “Chamar preto a alguém não é crime. Agressões há todos os dias em Lisboa. Não estive envolvido em nenhuma e não me arrependo de nada do que fiz”. 

A revista Sábado entrou em contacto com a produção do programa da RTP mas não obteve qualquer resposta. Entretanto, o “A Nossa Trade” decidiu emitir um Comunicado a pedir descukpas aos telespectadores: “No dia 24 de outubro o casal veio ao nosso programa, acompanhado da diretora da Casa Ronald Macdonald Ana Patacho, falar EXCLUSIVAMENTE da experiência da paternidade a triplicar. Aa coordenação do programa A Nossa Tarde não teve nenhum conhecimnto sobre os antecedentes criminais do pai, nem tão pouco das suas convicções políticas. Nunca o teríamos recebido, se soubéssemos”.

Link do programa com a entrevista a Nuno Cláudio Cerejeira:

https://www.rtp.pt/play/p5720/e435005/a-nossa-tarde

José Pedro Vasconcelos foi às manhãs da SIC com Cristina Ferreira | COM VÍDEO

Zé Pedro foi à casa da Saloia da Malveira

Foi esta manhã, o primeiro convidado de Cristina Ferreira nas manhãs da SIC.

VÍDEO:

https://sic.pt/Programas/o-programa-da-cristina/videos/2019-11-05-Jose-Pedro-Vasconcelos-esta-na-casa-da-Cristina-para-cozinhar-Arroz-de-Cabidela

Foto: @zepmau

José Pedro Vasconcelos disse tudo como já é apanágio dele. Eis algumas frases que o apresentador da RTP disse na SIC:

  • “Vocês fazem-me lembrar uma dupla que eu gostava muito que era a Tânia Ribas de Oliveira e eu”
  • Chego à oficina dos meus caseiros e tenho lá uma fotografia da Cristina… antes era da Samantha Fox!“.
  • Cristina Ferreira disse o seguinte “Eu não posso dizer nada que fica 3 meses na internet” e José Pedro Vasconcelos respondeu-lhe assim: Mas tu também pões-te a jeito” , disse para Cristina Ferreira

Zé Pedro Vasconcelos ainda teve tempo para convidar Cristina Ferreira para ir ao seu programa na RTP, “Depois, Vai-se a Ver e Nada”, que é transmitido todas as sextas-feiras à noite pelas 23h30. “Tu recebes muitas pessoas na tua casa mas, vais pouco à casa dos outros e isso não é muito justo e tens de ir ao “Depois, Vai-se a Ver e Nada, que é um programa muito jeitoso de 70 minutos onde podes dizer tudo o que não podes dizer aqui” mas a apresentadora da SIC respondeu que o seguinte: “Primeiro tenho que falar com um certo senhor!”

Durante a entrevista de Cristina Ferreira a José Pedro Vasconcelos que, ao mesmo tempo, preparava um Arroz de Cabidela, a apresentadora pediu ao apresentador da RTP para ligar à amiga e colega Tânia Ribas de Oliveira que prontamente atendeu e falou, em directo, na SIC.

Ao telefone, em conversa com Tânia Ribas de Oliveira, durante o Programa da Cristina, Zé Pedro disse, brincando, o seguinte: “Olha, deixa-me dizer-te uma coisa: quem nos dera nós ter tido uma casa como esta… ainda estávamos no ar”, o que gerou uma grande gargalhada por parte da Tânia Rinas de Oliveira e Cristina Ferreira

Sexta-Feira difícil: programas de Tânia Ribas e de Zé Pedro registam baixa audiência

Audiências

Na passada sexta-feira os programas de Tânia Ribas de Oliveira e de José Pedro Vasconcelos registaram baixa audiência.

Em relação ao “A Nossa Tarde”, de Tânia Ribas de Oliveira, a RTP1 registou 1,5% de rating e 10,3% de share.

Já o “Depois, Vai-se a Ver e Nada”, de José Pedro Vasconcelos, rendeu à RTP1: 0,9% de rating e 3,9% de share.

Tânia Ribas de Oliveira disputa as audiências com Fátima Lopes, do lado da TVI e com Júlia Pinheiro, do lado da SIC.

Já José Pedro Vasconcelos disputa a audiência com uma novela da TVI e com o Diário dos Casados à Primeira Vista da SIC.

NOTA: os dados aqui apresentados são da responsabilidade da CAEM/Gfk. (Dados Live+Vosdal)

Tânia Ribas de Oliveira deixa mensagem de conforto a João Baião

Tânia envia mensagem de conforto a Baião

Em dia de aniversário e de luto para João Baião, apresentador da SIC, Tânia Ribas de Oliveira deixou uma mensagem ao seu grande amigo e colega de profissão:

«O meu João faz anos hoje. O meu, o nosso João. Na maior parte dos dias, o seu coração ri. Hoje, tem motivos para chorar também. A partida da mãe (e do pai, há 9 anos) na véspera do seu aniversário, é um golpe demasiado duro. Mas é impossível não dar os parabéns ao João, pela vida bonita que tem tido e por toda a que vem aí. O melhor de todos nós, é ele. Estou aqui, sempre. Parabéns, meu amor», escreveu a apresentadora da RTP

“A Nossa Tarde” regressou à RTP e ficou muito atrás da SIC e da TVI

A Nossa Tarde

Tânia Ribas de Oliveira regressou esta segunda-feira ao ecrã da estação pública mas, o resultado nas audiências não foram os melhores, colocando a RTP em último lugar no horário.

Assim sendo, o Nossa Tarde registou 1,6% de rating e 9,1% de share e ocupou o último lugar do pódio.

A TVI com o programa A Tarde É Sua segurou o segundo lugar do pódio com 3,1% de rating e 13,3% de share.

Júlia Pinheiro e a SIC ocuparam o primeiro lugar do pódio vendo a TVI muito próxima: 3,1% de rating e 16,3% de share.

de share.

NOTA: os dados aqui apresentados são da responsabilidade da CAEM/Gfk. (Dados Live+Vosdal)

Cláudio Ramos sobre programa da Tânia Ribas: «Irrita-me aquele espaço»

Cláudio Ramos ao ataque

O comentador de imprensa cor-de-rosa da SIC decidiu virar as suas críticas para o novo programa de Tânia Ribas de Oliveira.

Em causa está uma rubrica onde se tem de adivinhar quem canta uma determinada música:

“Irrita-me um pouco aquele espaço de música em que se tem de adivinhar quem canta… Irrita-me porque, na maioria das vezes, quem lá vai como convidado tem pudor em assumir que ouve música portuguesa ou que sequer conhece, como se fosse um horror. Já cheguei a ouvir: ‘Isso é pimba, não é?’” disse Cláudio Ramos

No entanto, o comentador da SIC deixa claro, na sua rubrica na revista TV Mais, que espreita “muitas vezes o programa de Tânia Ribas de Oliveira” e que o formato “está bem feito”

Tânia Ribas de Oliveira tem saudades do Zé Pedro

Tânia Ribas de Oliveira

Em entrevista, a apresentadora da RTP diz que sente muitas saudades do José Pedro Vasconcelos, com quem fez dupla durante quase 5 anos.

«Tenho muitas saudades (…) Somos amigos. A vida é mesmo assim, e as pessoas que valem a pena ficam sempre no nosso coração», disse à TV Guia

“A Nossa Tarde” alcança a sua melhor audiência

A Nossa Tarde

Ontem, o novo programa de Tânia Ribas de Oliveira registou a sua melhor audiência desde a estreia.

A competir contra as novelas repetidas da SIC e da TVI, “A Nossa Tarde” da RTP1 fez 2,8% de rating e 15,1% de share tendo Quim Barreiros como convidado. O programa de ontem foi gravado, e não em directo como costuma ser.

A novela da SIC “Amor Maior” e parte do programa “Júila” registaram 2,6% de rating e 14,2% de share, enquanto a TVI com a novela Belmonte fez 1,7% de rating e 9,3% de share.

NOTA: os dados aqui apresentados são da responsabilidade da CAEM/Gfk. (Dados Live+Vosdal)

“A Nossa Tarde”: novo programa da RTP nem ao 7% de share chegou

Audiências TV

Foi ontem, quarta-feira, que o novo programa das tardes da RTP bateu um novo recorde negativo, no que diz respeito às audiências.

Este foi mesmo o pior resultado desde que “A Nossa Tarde” estreou no canal público, com Tânia Ribas de Oliveira na apresentação: 1,1% de rating e 6,8% de share. Um share abaixo dos 7% e abaixo dos totais diários da RTP1.

NOTA: os dados aqui apresentados são da responsabilidade da CAEM/Gfk. (Dados Live+Vosdal)

“A Nossa Tarde” não faz melhor que o “Agora Nós”

A Nossa Tarde

Há quem tenha classificado de “obsessão” a decisão de José Fragoso (director da RTP) de acabar , a todo o custo, mesmo com as centenas e centenas de reclamações dos espectadores da estação pública, com o programa Agora Nós e a dupla entre José Pedro Vasconcelos e Tânia Ribas de Oliveira.

Agora, passado quase dois meses desde a estreia do novo formato das tardes da RTP1, o A Nossa Tarde, os resultados não são melhores daqueles que o Agora Nós alcançava e, por vezes, até são piores.

Esta segunda-feira, o programa apresentado por Tânia Ribas de Oliveira alcançou 1,7% de rating e 7,6% de share. Este share não acompanha a média diária do canal, ou seja, não ajuda a RTP nas contas finais de cada dia.

Na SIC, o programa de Júlia Pinheiro registou 2,9% de rating e 17,3% de share.

Já as quase 4 horas de A Tarde é Sua da TVI registou 2,6% de rating e 12,1% de share.

NOTA: os dados aqui apresentados são da responsabilidade da CAEM/Gfk. (Dados Live+Vosdal)