A RTP com programação especial para o Festival Eurovisão da Canção 2019

Nesta quinta dia 9 de maio Elétrico, um programa coproduzido com a rádio Antena 3 com Conan Osiris.

No dia 11 de maio o documentário A Caminho da Eurovisão. O documentário terá como principais pontos de enfoque a história do artista, os melhores momentos do Festival da Canção 2019 e ainda a preparação para o ESC 2019, quer em Portugal, quer em Israel.

RTP1 irá emitir as duas semifinais e a Grande Final nos dias 14, 16 e 18 de maio pelas 20h.

Portugal concorre na primeira semifinal do concurso, dia 14 de maio.

Nuno Galopim e José Carlos Malato, que comentaram a edição de 2017, repetem novamente a parceria.

Conan Osíris vai representar Portugal no Festival da Eurovisão 2019

Conan Osíris vai representar Portugal no Festival da Eurovisão 2019, que decorre em maio em Israel.

Telemóveis, derrotou este sábado os outros sete concorrentes na final da 53.ª edição do Festival da Canção.

A vitória de Conan Osíris teve a pontuação máxima (12 pontos) do público e de todas as regiões do país (Norte, Centro, Lisboa e Vale do Tejo, Alentejo, Açores, Madeira e Algarve) exceto do Algarve, que lhe deu a segunda pontuação mais alta (10 pontos).

NBC ficou na segunda posição, enquanto Matai acabou na terceira.

Última Hora: Festival RTP da Canção 2018

A notícia chega fresquinha e ainda antes do final do ano. Os compositores da próxima edição do Festival da Canção conheceram-se esta manhã nas instalações da RTP – serão 26 as canções a concurso. Sim, vinte e seis!

Como já sabemos, o Festival da Canção 2018 será constituído por duas semifinais a realizar a 18 e 25 de fevereiro no Estúdio 1 da RTP, em Lisboa, e por uma grande final que terá lugar no Multiusos de Guimarães a 4 de março.

O enorme entusiasmo com que as mais variadas figuras do mundo da música acolheram a proposta lançada pela RTP e a quantidade expressiva de candidaturas submetidas através do concurso aberto a submissões, promovido pela Antena 1, justificam que, das 20 canções originalmente pensadas para concorrer ao Festival da Canção 2018, 6 mais se tenham juntado ao lote, surgindo assim as 26 da autoria dos compositores que hoje são revelados.

Em cada uma das semifinais estarão a concurso 13 canções. Em cada uma serão apuradas 7, pelo que haverá 14 finalistas em Guimarães.

A seleção das canções:

Seguindo o mesmo modelo de trabalho usado na mais recente edição do Festival da Canção, a RTP lançou um convite a 22 compositores para que apresentassem uma canção original inédita.

O vencedor do Festival da Canção 2017, Salvador Sobral, convidou um compositor nos mesmos termos dos que são lançados pela RTP.

Três lugares nas semifinais foram abertos a concurso. Um deles chega através do programa de rádio “Master Class”, da Antena 1, dirigido a compositores e autores sem trabalhos publicados até ao dia 15 de setembro. O júri foi aqui constituído por Tozé Brito (presidente), Noémia Gonçalves, António Macedo, Ricardo Soares e Rui Pêgo.

Os outros dois lugares resultam da submissão de canções originais e inéditas, num concurso aberto a todos os cidadãos de nacionalidade portuguesa ou residentes em Portugal, o que inclui os portugueses que vivam fora do país, assim como os cidadãos dos PALOP ou de outras nacionalidades que tenham residência em Portugal. Das 346 submissões recebidas o júri, constituído por António Macedo (presidente), Iolanda Ferreira, João Gobern, Marisa Liz e Miguel Guedes escolheram as propostas de dois compositores.

Tal como no Festival da Canção 2017 serão os compositores a definir a posteriori quais serão os intérpretes das suas respetivas canções.

O vencedor do Festival da Canção 2018 será o 50º representante de Portugal no Festival da Eurovisão que se apresentará na grande final a realizar em Lisboa a 12 de maio de 2018.

São estes os 26 concorrentes ao Festival da Canção 2018:

Convidados pela RTP

· Aline Frazão

· Armando Teixeira

· Benjamim

· Bruno Cardoso

· Capicua

· Diogo Clemente

· Diogo Piçarra

· Francisco Rebelo

· Fernando Tordo

· Isaura

· João Afonso

· Jorge Palma

· José Cid

· JP Simões

· Júlio Resende

· Mallu Magalhães

· Miguel Ângelo

· Minta

· Nuno Rafael

· Paulo Flores

· Paulo Praça

· Tito Paris

 

Convidado por Salvador Sobral

· Janeiro

Escolha do programa “Master Class” da Antena 1

· Daniela Onis

Escolhas do concurso por submissão através da Antena 1

· Peter Serrado

· Rita Dias

IN, RTP

Exclusivo: RTP queria Multiusos de Guimarães para Eurovisão mas foi travada

Exclusivo

Responsáveis da RTP queriam final da Eurovisão da Canção no Pavilhão Multiusos de Guimarães mas, foi travada pelos responsáveis da Eurovisão.

Daniel Deusdado, Nuno Artur Silva e Gonçalo Reis estavam juntos para convencer os responsáveis da Eurovisão de que a melhor opção seria o Multiusos de Guimarães mas, depois de analisadas as várias opções que a RTP teve de apresentar, não restou dúvidas aos responsáveis máximos do evento europeu: Lisboa, seria a melhor hipótese, a todos os níveis.

“É verdade. Eles (Deusdado, Artur Silva e Gonçalo Reis) queriam fazer a Eurovisão em Guimarães. Foram bem preparados para defender esta opção e usaram as possíveis e as impossíveis justificações para que o evento acontecesse no norte do país.” – começa por dizer fonte próxima da RTP ao nosso site

Perante a hipótese do MEO Arena, os responsáveis máximos da Eurovisão não tiveram dúvidas, Lisboa tinha as melhores condições para que o evento se realizasse perante a exigente logística.

“Os senhores da Eurovisão analisaram as várias opções e, no final, analisaram a opção do Multiusos de Guimarães com o MEO Arena e, foi nesse momento que ficaram sem dúvidas, mesmo perante a teimosia dos responsáveis da RTP, teria de ser em Lisboa. É por esta razão que o Festival RTP da Canção vai ser emitido a partir de Guimarães. Ou seja, já que não é a Eurovisão de 2018, será o Festival da RTP.” – concluiu a mesma fonte

José Carlos Malato é o comentador do Festival Eurovisão da Canção 2017

ÚLTIMA HORA

José Carlos Malato avançou à revista Nova Gente que será o comentador dos três espetáculos do Eurovision Song Contest, que este ano se realiza em Kiev, na Ucrânia.

Mas José Carlos Malato não estará sozinho no relato dos espetáculos agendados para dias 9, 11 e 13 de Maio. Ao apresentador junta-se também um devoto seguidor das lides da canção portuguesa rumo à Europa: Nuno Galopim. in, rtp

GalopimMalato_maior.jpg