José Eduardo Moniz troca TVI pelo canal brasileiro BAND

Da TVI para o Brasil

O ex-director-geral da TVI rumou até ao Brasil e é lá, ao que tudo indica, o seu próximo desafio a nível televisivo.

José Eduardo Moniz está há 2 meses a preparar a programação do canal BAND (Bandeirantes) e poderá vir a ser promovido como responsável do canal brasileiro.

A notícia tem sido avançada pela imprensa brasileira que conta haver uma colaboração de Moniz como consultor de Johnny Saad, o presidente do canal brasileiro.

O Principal objectivo que José Eduardo Moniz é o de colocar a BAND no topo do mercado.

O canal BAND, desde de 2014, perdeu espaço no mercado televisivo brasileiro. Perdeu os direitos de vários programas como CQC (Caia Quem Caia), o Campeonato do Mundo de Futebol, como campeonatos de futebol estaduais, vivendo uma crise de audiências. É neste canal que é exibido o “MasterChef” e o “Pesadelo na Cozinha” com algum sucesso.

O português José Eduardo Moniz está a tirar o sono de executivos da emissora. Tratado internamente como consultor do presidente Johnny Saad, Moniz, em breve deverá ser promovido a número 1 da área artística da emissora“, conta o site Notícias da TV brasileiro

O mesmo site de notícias conta ainda que José Eduardo Moniz, está a “a trabalhar numa proposta de programação para 2020″ E que a sua “missão é bem maior: recolocar a Band no radar do telespectador e do mercado“.

Nuno Santos troca Canal 11 pela TVI e substitui Felipa Garnel

Nuno Santos na TVI

Depois da SIC ter anunciado a contratação de Ricardo Araújo Pereira, a TVI anunciou a contratação de Nuno Santos para substituir Felipa Garnel.

COMUNICADO DA TVI:

Nuno Santos vai assumir a Direção de Programas da TVI nas próximas semanas, substituindo Felipa Garnel que vinha assumindo essa função nos últimos meses.

Nuno Santos é um dos mais experientes profissionais de televisão em Portugal, tendo iniciado o seu percurso como jornalista e pivot de televisão na década de 90, integrando o núcleo fundador da SIC, a primeira estação privada em Portugal. Foi também o primeiro Diretor da SIC Notícias.

No seu percurso profissional está ainda a direção de programas e de conteúdos da RTP, onde também desempenhou as funções de diretor de informação.

Após a sua saída do operador público, Nuno Santos abraçou um desafio internacional, tendo assumido a direção de conteúdos na Multichoice, plataforma multinacional de conteúdos, de origem sul-africana.

Antes de assumir a direção-geral do Canal 11, lançado no ano passado pela Federação Portuguesa de Futebol, Nuno Santos dirigiu ainda a unidade de negócio da The Story Lab  produtora e distribuidora, com sede em Londres, pertencente ao universo da Dentsu Aegis Network.

Para Nuno Santos, «ter a oportunidade de liderar a programação na TVI e ajudar a acelerar a transformação digital do meio televisivo de língua portuguesa é o desafio mais estimulante do Mercado dos Media. 2020 será um ano de mudança. A TVI será diferente e inovadora. Estará na vida dos Portugueses. Conto com todos. Conto com a experiência dos que estão e com a irreverência dos que vão chegar». 

A Media Capital gostaria de agradecer à Felipa Garnel que, nestes últimos meses, deu o seu melhor, num momento muito particular, para que a TVI continue a manter a preferência de milhões de portugueses. Gostaria ainda de agradecer toda a colaboração da Federação Portuguesa de Futebol, parceiro de negócios da Media Capital, que na gestão deste processo, sempre mostrou uma postura de total lisura e colaboração.

“Alexandra Borges” foi o programa mais visto ontem, da TVI

Alexandra Borges

O programa da jornalista Alexandra Borges ocupou, ontem, o sétimo lugar dos programas mais vistos em Portugal. Sendo o mais visto da TVI.

O programa de investigação alcançou 8,6% de rating 17,0%.

NOTA: os dados aqui apresentados são da responsabilidade da CAEM/Gfk. (Dados Live+Vosdal)

José Rodrigues dos Santos reage à saída de Judite Sousa da TVI

Reacção do pivot da RTP

José Rodrigues dos Santos, jornalista da RTP, reagiu à notícia, inesperada, da saída da TVI de Judite Sousa.

Sobre o regresso à televisão da colega e amiga, o pivot do “Telejornal” diz “não acreditar que as televisões em Portugal não vejam o que é evidente para qualquer pessoa. Diria muito sobre o país que somos se uma profissional de topo como a Judite, tão qualificada, dedicada e talentosa, não tivesse facilidade em encontrar emprego”, disse à revista TV Guia

ÚLTIMA HORA: Judite Sousa sai da TVI. As primeiras palavras após anúncio

ÚLTIMA HORA

Judite Sousa está de saída da TVI

Estas são as primeiras palavras da jornalista após anunciar a sua saída da TVI: “A iniciativa foi minha, como sempre desejei que acontecesse nas diferentes etapas da minha vida. Era uma decisão que vinha a ponderar desde o início do ano, que começou a ser tratada pelas partes há cerca de três meses e que foi concluída esta quarta-feira com a assinatura de um acordo amigável”, disse ao Observador

O Comunicado de Judite:

“Depois de uma longa e serena ponderação, decidi terminar a minha relação profissional com a TVI. Foram oito anos que me permitiram, em total liberdade, vivenciar a paixão pelo jornalismo com sentido de dever e responsabilidade ao serviço de uma empresa privada. Este é o momento para expressar gratidão a todos os meus companheiros de trabalho das diferentes áreas da empresa.

Os últimos anos foram particularmente difíceis, mas em palavras ou na reserva do silêncio, entendi sinais de conforto.

Quero expressar o meu agradecimento ao José Alberto Carvalho que me desafiou para esta viagem, com amizade, em 2011.

Quero igualmente agradecer ao Sérgio Figueiredo as oportunidades profissionais que me proporcionou nestes últimos quatro anos e que me ajudaram a ultrapassar momentos mais difíceis da minha existência.

Finalmente, uma palavra aos espectadores da TVI cujo carinho e apoio nunca me faltaram” ESCREVEU

António Cordeiro: mulher do actor justifica porque disse disse estar «farta»

António Cordeiro

Cansada, à beira de um esgotamento, a mulher do consagrado actor explica a frase onde disse estar farta de toda a situação:

«Eu preciso de fazer tudo. Não tenho ninguém que me ajude. Se tenho de sair por algum motivo, deixo-o em casa, mas ligo de cinco em cinco minutos porque tenho medo. Pode não acontecer nada, mas tenho medo. Tento sempre não me afastar de casa por mais de 30 minutos. á dias em que ele me diz que está farto disto tudo e de depender sempre de mim. Ele depende 24 horas de mim (…) Perguntam-me como é que ele está, mas ninguém é capaz de me perguntar como é que eu me aguento (…) Imagine o que é ter de levantar o António 15 a 20 vezes por dia. Uns dias desesperada, outros cansada. Todos os dias, quando acordo de manhã só penso ´quando é que é de noite, para poder descansar?´. Não tenho vida própria. Não tenho vida. Já tenho dito ao António que estou farta. Não é farta do António , é da situação. São quase três anos. É desgastante (…) Se nos momentos bons estivemos juntos, é nos momentos maus que vou abandonar o barco? Somos os dois filhos únicos, não temos filhos. E agora, o que se faz? Há certos dias em que tenho vontade, não digo que não, mas … E depois, ele faz o quê? E eu faço o quê? Claro que não o abandono” – disse à TV7 Dias

TVI: Judite Sousa e José Alberto Carvalho prontos para sair do canal

Futuro da TVI

A crise na TVI pode ser ainda maior e ir para além da perda da liderança de audiências.

A Cofina tem luz verde para comprar a TVI e se isso vier a acontecer, segundo o jornal SOL, o grupo que é dono do Correio da Manhã, vai fechar o canal TVI24 e afastar José Eduardo Moniz.

Mas não é só, o jornal SOL garante ainda que Judite Sousa, José Alberto Carvalho e Sousa Martins são nomes que estão na porta de saída.

«Telejornal» volta a vencer «Jornal das 8»

Telejornal volta a vencer TVI

A semana começou com a RTP a ganhar no principal horário de noticias do país.

O Telejornal venceu o Jornal das 8 esta segunda-feira, coisa que já se está a tornar hábito.

José Rodrigues dos Santos registou 8,4% de rating e 19,6% de share, enquanto a TVI com o seu Jornal das 8 registaram 6,9% de rating e 15,9% de share.

NOTA: os dados aqui apresentados são da responsabilidade da CAEM/Gfk. (Dados Live+Vosdal)

ÚLTIMA HORA: Bruno Santos despedido da TVI

ÚLTIMA HORA

Bruno Santos foi afastado da TVI e do grupo MediaCapital, tal como se pode ler no Comunicado da TVI onde é frisado que o agora ex-director deixa de ter qualquer ligação ao grupo que detém o canal, sendo a sua saída o “fim da sua relação com o Grupo Media Capital”.

Felipa Garnel é a senhora que se segue na Direcção de Programas da TVI e já reagiu à sua nomeação:

“Gosto de desafios e aceitei desde a primeira hora a proposta de fazer parte de uma equipa coesa, empenhada em reconquistar a preferência dos portugueses. Acredito no valor de cada pessoa que trabalha na TVI e estou certa de, unidos, conseguiremos inovar e surpreender”

No final de fevereiro, o nosso site já dava conta da saída de Bruno Santos do cargo de director da TVI:

Click aqui

TVI: Fernando Serrano em formação para apresentar “A Tarde é Sua”

TVI tem nova apresentadora

Fernando Serrano está em formação para ser apresentadora da TV.

A actriz irá substituir Fátima Lopes na condução do programa “A Tarde é Sua”, sempre que a apresentadora se ausentar.

“A Fernanda esteve na emissão especial dos 50 anos da Fátima e correu muito bem, por isso, decidimos testá-la quando a Fátima não está. A Leonor Poeiras nem sempre pode fazer as férias da Fátima, ou os dias em que ela se ausenta, e a Ana Sofia Martins, agora, está em Londres, logo, temos de arranjar uma outra susbstituta”, conta fonte próxima da TVI

Já Helena Forjaz, directora de comunicação da TVI, disse à TV7 Dias que “Como é próprio da TVI, damos oportunidade às pessoas. A Fernanda quando começou, foi como apresentadora”

Fernanda Serrano foi, durante muito tempo apresentadora da RTP, onde durante 90 minutos apresentava o programa “Noite de Reis” em 1995.

Programa da RTP1, em 1995, apresentado pela Fernanda Serrano

Constança Cunha e Sá: jornalista da TVI colocada em tribunal por vereadora do PSD

Polémica!

Depois de uma troca de galhardetes entre a jornalista da TVI e uma vereadora do PSD nas redes sociais, o assunto acaba em tribunal.

A polémica teve origem numa publicação de Sofia Vala Rocha (vereadora do PSD em Lisboa) na redes social Twitter, depois de ter escrito o seguinte, a propósito da noite eleitoral que aconteceu em maio, para eleger deputados para o Parlamento Europeu:

Sofia Vala Rocha , PSD

“E o Twitter não consegue organizar uma noite eleitoral num local físico?Aposto que seria muito mais giro do que os comentadores chatos nos estúdios das TV” – escreveu a vereadora do PSD

A jornalista da TVI não ficou indiferente à frase de Sofia Vala Rocha e contra-atacou:

“Pois, é o melhor que se arranja, depois de ter feito tudo para fazer parte dos comentadores chatos nos estúdios da TV. Os telefonemas que foram feitos para a TVI pela própria para participar nesta chatice… Isto só visto!” – escreveu Constança Cunha e Sá

Sofia Vala Rocha volta ao ataque e ameaça Constança Cunha e Sá:

“Ou a Constança retira isto imediatamente e me pede, juntamente com a TVI, desculpas por esta mentira descabelada, atentatória do meu bom nome e reputação, ou entra processo imediato. Isto eu não tolero”

A jornalista da TVI não se intimidou e voltou à carga:

“Pois, mas queria ir comentar para os estúdios da TVI. Vergonha alheia, como agora se diz”.

A vereadora do PSD remata o assunto assim, desta forma:

“O assunto será entregue ao meu advogado. Não tenho mais nada a declarar ”

ÚLTIMA HORA: Cláudia Lopes de saída da TVI

Última Hora

A jornalista da TVI está de malas aviadas para outro projecto.

“A ainda jornalista da TVI, Cláudia Lopes, irá integrar a partir de junho a estrutura de comunicação do Sporting.

Apesar do emblema leonino ainda não confirmar esta informação, Record está em condições de garantir que a apresentadora do programa ‘Mais Futebol’ irá ser integrada no Sporting Comunicação e Plataformas, estando ainda por revelar qual o nome do cargo que irá assumir.”
, avança o Jornal Record

“Telejornal” volta a vencer “Jornal da Noite”

Audiências das 20h00

O informativo das oito da noite da estação pública voltou a ser mais visto do que o informativo da SIC

Na passada sexta-feira, o “Telejornal” da RTP1 registou 7,1% de rating e 16,4% de share, segurando o segundo lugar do pódio.

O “Jornal da Noite” da SIC foi o menos visto e alcançou 7% de rating e 16% de share.

A TVI com o seu “Jornal das 8” segurou o primeiro lugar do pódio ao registar 7,7% de rating e 17,5% de share.

NOTA: os dados aqui apresentados são da responsabilidade da CAEM/Gfk. (Dados Live+Vosdal)