Júlio Isidro: filha recebe 19 valores na tese de mestrado em Medicina dentária

Como pai babado, Júlio Isidro foi até às redes sociais para contar a mais recente boa nova da família: a filha Mariana obteve 19 valores após fazer a defesa da tese de mestrado em Medicina dentária:

“ORGULHO, EMOÇÃO, FELICIDADE.

Ontem aconteceu um grande dia para os Isidro do Carmo.A Mariana ia defender a tese de mestrado em Medicina dentária.Ao longo de meses, cá em casa ,fomos testemunhas do trabalho que desenvolveu, diário, saltar da cama às seis da manhã e chegar a casa para jantar tarde, horas e horas à secretária a costurar o futuro.Mas a Mariana sempre soube o que queria ser “quando fosse grande”…dentista.

Dormimos todos mal, ela , nada!

Ao meio dia abertas as portas do pequeno auditório da universidade Egas Moniz, entrámos com o frio da rua e o gelo do nervos.Pais que se prezam, não transmitem aos filhos inseguranças e medos. Disfarçámos bem quando a Mariana subiu ao estrado. As palavras introdutórias dos examinadores foram simpáticas e direi que tão afectuosas que já se adivinhavam olhos brilhantes na menina/senhora que ia defender a tese.

Depois aconteceu durante 13 minutos, o resultado da simbiose inspiração, transpiração e convicção.

Pela minha parte, ia olhando quase de relance para a minha menina, olhos postos no power point. Não queria que ela visse as emoções sentia e me vão crescendo com a idade. Há quem diga que não há emoção sem pensamento, mas não tenho culpa de por vezes, pensar demais.

Olhei para a Sandra, trocámos breves acenos de cabeça… “está a correr muito bem”…

Pensei que tudo o que um filho , neste caso uma filha, mais pode esperar dos pais, é estarem presentes nos momentos certos.Nós estivemos, ouvimos os elogios da arguente do júri e, mais uma vez confirmei que o sucesso depende do esforço.A espera da nota final foi um tempo breve de relativa ansiedade, sabíamos que a nota seria alta.

A Mariana entrou na sala e saiu com o sorriso lindo que lhe conhecemos.

19 valores, mestre em Medicina dentária a 1 valor do máximo possível. 19 valores a nota merecida.

Seguiram-se os abraços comovidos, a Sandra pendurada no quase metro e oitenta da nossa menina, o pai agora mais à vontade para molhar os óculos, a mana Francisca, tão orgulhosa da mana, a avó, o namorado e as amigas do mesmo curso, a exultarem com o sucesso da colega.

Tudo tão bonito, tão humano, tão diferente do mundo que nos impingem a toda a hora.

E vieram as fotos no campus da universidade.

Mais uma vez estivemos juntos na felicidade .

Dei comigo a pensar em Kafka quando disse que os pais que esperam gratidão dos filhos são usurários que arriscam capital para receber juros.

Cá por casa, ama-se sem contabilidade vivemos afecto em estado quimicamente puro, e sem paz podre, porque a exaltação de ideias é legítima, exercemos o direito à nossa hamonia.Foi um dos dias mais felizes dos pais Sandra e Júlio? Se foi! O bebé que vi no primeiro choro como prova de vida, é a drª cá de casa. Por enquanto..

Obrigado nas alturas.“, escreveu, orgulhoso, o apresentador da RTP

Deixa o teu comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

EM CIMA ↑