Balsemão sobre Catarina Furtado: “Foi à procura de novos caminhos e não os encontrou”

No seu livro de memórias, Pinto Balsemão não se esqueceu daqueles com quem cruzou caminho e, Catarina Furtado, não foi excepção:

“A grande projecção de Catarina em Portugal deveu-se, sem dúvida, ao programa Chuva de Estrelas. Quando, para ir estudar para Londres, passou o testemunho a Bárbara Guimarães, nunca mais conseguimos, no regresso, encontrar-lhe um formato onde obtivesse tanto êxito (…) Quando saiu tive penam mas estava determinada a procurar novos caminhos que, em minha opinião, não encontrou, mas ela saberá melhor”.

Deixa o teu comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

EM CIMA ↑