Tânia Ribas de Oliveira: “A escuridão que hoje vivem, todos sabemos ser contra natura”

Tânia Ribas de Oliveira, apresentadora da RTP, não ficou indiferente à trag´«edia que assolou a família de Tony Carreira e partilhou, há momentos, um longo texto sobre a morte de Sara Carreira:

“Tantas palavras e condolências que lemos hoje mas, e facto, as palavras são tudo o que resta aos corações de todos nós. Há um sentimento de profunda angústia e de vazio, perante a morte da Sara. Alguns de nós tiveram o privilégio de privar com a família e não conheço absolutamente ninguém que tenha alguma coisa a apontar a qualquer um. O Tony. A Fernanda. O Mikael. O David. A Sara. Tal como tantas outras pessoas do mundo da comunicação, tenho a sorte de os conhecer bem.”

“De reconhecer em cada um uma educação sem reticências, uma postura discreta, elegante e marcante em cada um de nós. Há, naquela família, a mais pura verdade que só o amor justifica e que só o Amor constrói. Não são diferentes dos demais que se amam, têm apenas uma exposição mediática acima da média. Muito acima.”

Em toda a minha vida profissional, ganhei amigos, desiludi-me, admirei mais e deixei de gostar, até. Mas em relação a esta família, sempre tive adjetivos bonitos a dizer. Qual é a probabilidade de uma família inteira ter sucesso na vida que escolheu, cada um dentro do seu género musical? Qual é a probabilidade de uma mãe dar à luz três seres de pura luz, tão bonitos e tão transparentes, incapazes de dizer que não quando o convite lhes toca o coração? Não há, de facto, muitas famílias como a família Carreira.”

Serei apenas uma voz entre tantas outras que os admira e respeita. E a escuridão que hoje vivem, acaba por toldar os nossos dias também, por tudo o que todos sabemos ser contra natura. O que é isto de ser possível perder filhos e irmãos? O que é isto de se sobreviver com a memória para sempre quente da voz, do abraço e da vida entrelaçada na nossa? O que é isto, meu Deus? Esta família, à semelhança de tantas outras que passam por entre drama, deixa-nos sem palavras, sem abraços, sem Reação e com medo.”

Porque a vida, claro, é um fio de luz que se apaga num segundo. E não há absolutamente ninguém de amor neste mundo que não troque sem pensar a sua vida pela vida de um filho. Pomo-nos à frente de todas as balas para proteger um filho. Porque é que nunca ninguém nos perguntou, já que os demos ao mundo, se queremos trocar de lugar com eles nesse segundo entre a luz e a sombra? Sobreviver nesta sombra e encontrar o sol entre os dias, é coisa para as pessoas mais corajosas do mundo. Conheço algumas, aplaudo-as em silêncio. Abraço-as de verdade. É o amor que nos salva, sim, e o Amor sobrevive à morte, ouvi-os dizer. Descobrir esse caminho é um tormento que precisa de um caminho.”

Que a nossa dor coletiva, por todos os que sofrem, encaminhe estas famílias no encontro da paz. Porque não há ninguém que tenha passado este dia sem pensar por um segundo que fosse, neles. Que o Amor os salve, que o Amor os continue a unir, que a Sara seja a estrela mais brilhante dos seus céus para todo o sempre. Muito respeito. Todo o Amor.”, escreveu Ribas de Oliveira

One thought on “Tânia Ribas de Oliveira: “A escuridão que hoje vivem, todos sabemos ser contra natura”

Add yours

  1. Muito lindas as palavras da Tânia é mesmo deviamos poder escolher darmos a nossa vida pelos nossos filhos beijinhos Tânia

Deixa o teu comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

EM CIMA ↑