Luísa Castel-Branco sobre Cláudio Ramos: “Não gostava de ti. Ontem precisei de ti e tu lá estavas”

14 pensamentos sobre “Luísa Castel-Branco sobre Cláudio Ramos: “Não gostava de ti. Ontem precisei de ti e tu lá estavas””

  1. Claro que a ortografia é importante… mas mais importante, neste caso, é o
    conteúdo da mensagem, o sentimento nela contido!

  2. Nunca tive o prazer de conhecer pessoalmente so das redes sociais….acho um ser fantástico….um.bom pai…e acredito que é um bom amigo(claro para quem o merece) BEIINHO E AMIZADE E ISSO….

  3. O Cláudio é um bom ser humano, mas envolve-se numa carapaça imensa e só a tira para quem ele sente que merece.

    1. Quem nunca errou ao escrever (nos mini teclados dos telemóveis) que atire a primeira pedra!

      1. Ó Sr. Anónimo não é “o que é que tem a haver” é o que é que tem A VER
        Haver = ter
        Então o significado seria:
        O que é que tem a ter
        Percebeu?
        Mas é claro que eu não tenho nada a ver 😀

  4. Tambem nao é presiso gostar 😂o que interesa é a familia que goste, e outros amigos que concertesa opupem o lugar do claudio Ramos 😂😂😂cumo por isemplo eu💁💁💁que jà à muitos anos o veijo na rtp e nao o veijo cumo uma mà pessoa nao é por acaso que trabalha là à muitos anos 🙏ninguem è obrigado a gostar de toda a gente 😂😂😂 eu particularmente se tivese que lhe dar uma nota de 0 10, dava lhe o masssimo 💁um grande abraço ao Julio Isidro e toda a familia ❤❤❤❤❤❤

Deixa o teu comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s