Diogo Carmona quebra o silêncio após perder o pé

Diogo Carmona quebra o silêncio

O ex-actor perdeu um pé após ser atropelado por um comboio no passado sábado, em São João do Estoril.

No sábado várias revistas, jornais e sites avançavam com a tese de tentativa de suicídio mas Diogo Carmona desmente toda a imprensa que avançou com tal notícia.

“Obrigado por todas as mensagens. Estou a melhorar no hospital. Agradecia que os medía não espalhassem informações falsas”, escreveu nas redes sociais.

O desabafo de Florbela Queiroz “Não consigo trabalho em lado nenhum”

Florbela Queiroz

A consagrada actriz queixa-se da falta de trabalho, mas fica feliz por ver os colegas da sua idade serem chamados para as telenovelas e séries da RTP, SIC e TVI.

O desabafo de Florbela Queiroz surge numa notícia que dava conta do regresso do actor Júlio César à ficção e à RTP, onde fará um papel na nova temporada da série “Conta-me Como Foi …” que terá estreia no mês de dezembro.

Contente pelo colega e amigo, por se terem lembrado dele, a actriz acaba por desabafar e lamentar o facto de os directores e produtoras nunca se lembrarem dela para as suas produções:

Esta foi a notícia à qual Florbela Queiroz reagiu e acabou por desabafar:

Afinal, quem ganhou: Pedro Teixeira (TVI) ou João Manzarra (SIC)?

Audiências TV

Afinal, quem ganhou a batalha de audiências no passado sábado, com os seus novos concursos: SIC ou TVI?

A SIC estreou o seu novo programa às 21h25, com João Manzarra na apresentação. Já a TVI, arrancou minutos mais tarde, às 21h28 estreava o formato com Pedro Teixeira no comando.

A “Árvore dos Desejos” fez a SIC liderar o horário e vencer a TVI. João Manzarra entregou ao ex-canal de Carnaxide 11,5% de rating e 24,5% de share.

Já o “Mental Samurai” colocou a TVI no segundo lugar do pódio. Pedro Teixeira entregou à TVI 9,7% de rating e 20,6% de share.

JOSÉ FRAGOSO COLOCOU A RTP NA GUERRA DAS AUDIÊNCIAS AO SÁBADO

O director de programas da RTP1 decidiu ´atirar´a série “Sul” para o horário das 23h00 e antecipou o concurso de Filomena Cautela para o horário das 21h00, numa estratégia para combater as estreias da SIC e da TVI. Mas nem assim conseguiu vencer, apesar de o canal público ter registado uma ligeira subida neste horário ao sábado.

Assim sendo, a RTP1 ficou longe das privadas com o programa “Jogo de Todos os Jogos”, com Filomena Cautela a colocar a estação pública no último lugar do pódio, registando 5,9% de rating e 12,6% de share.

NOTA: os dados aqui apresentados são da responsabilidade da CAEM/Gfk. (Dados Live+Vosdal)

Telejornal de sábado e de domingo regista subida de audiência

Telejornal a subir ao fim-de-semana

Com José Rodrigues dos Santos ao comando, o informativo das 20h00 da RTP1 regista subida de audiência, longe de outros tempos em que chegou a registar mínimos nunca antes registados.

No sábado o Telejornal registou 7,8% de rating e 16,7% de share, e no domingo registou 7,1% de rating e 13,7% de share.

NOTA: os dados aqui apresentados são da responsabilidade da CAEM/Gfk. (Dados Live+Vosdal)

Telejornal da RTP: Orquestra do Teatro Nacional de São Carlos recria música de abertura|COM VÍDEO

Telejornal 60 Anos

“No ar desde 18 de outubro de 1959, o Telejornal é o primeiro programa de informação diário a ser emitido na estação pública, sendo o mais antigo programa da televisão portuguesa que perdura.

Em 2016, César Veríssimo da RTP compôs o tema musical do genérico do Telejornal. Agora que o Telejornal comemora 60 anos, a RTP e o Teatro Nacional de São Carlos juntam-se para dar uma nova vida a este tema. Sob a direção da Maestrina Joana Carneiro, a Orquestra do Teatro Nacional de São Carlos interpretou aquela que é a nova trilha sonora do genérico do Telejornal, com um arranjo orquestral de Anne Victorino D’Almeida.

Maestrina: Joana Carneiro

Arranjo para a Orquestra: Anne Victorino D’Almeida

Diretora do Coro e Orquestra: Margarida Clode”

informa a RTP no seu canal de YouTube

Veja o vídeo:

Vídeo 2 – Emissão Especial de duas horas: