Maria Vieira Social

Maria Vieira voltou ao facebook e não esconde revolta

Parrachita está de volta

Após 30 dias de bloqueio no facebook, estando impedida de utilizar a sua página de facebook, Maria Vieira voltou e não escondeu a sua revolta para com as regras de utilização do facebook.

Num longo texto, Maria Vieira disse o que lhe ia na alma:

«E cá estou eu de volta, regressada de mais um bloqueio de 30 dias, decretado por esta rede social absolutista e anti-democrática que ainda opera sem concorrência e que por isso mesmo continua censurando os seus utilizadores e impondo as suas ideologias políticas, sociais e culturais aos mesmos! Acresce dizer que desta vez, o bloqueio que me impuseram foi ainda mais grave, tendo em conta que eu contestei o mesmo no passado dia 1 de Julho e que no dia seguinte o Facebook reconheceu ter errado na apreciação feita à minha publicação, afirmando que esta seguia os Padrões da Comunidade e pedindo desculpa pelo erro (como de resto se pode confirmar nas fotos que ilustram esta minha primeira publicação de regresso) mantendo ainda assim e após ter reconhecido o seu próprio erro, o bloqueio a que injustamente me condenou, sem me dar qualquer tipo de explicação face ao atropelo exercido sobre o direito constitucional que lamentavelmente violou ao ter cerceado o meu direito à liberdade de expressão.
Mas o mais curioso disto tudo, meus caros, estimados e saudosos amigos é que a publicação pela qual terei sido denunciada – um texto onde eu fazia referência aos massacres exercidos sobre cristãos em Godogodo, na Nigéria, onde centenas de pessoas foram mortas e outras tantas foram expulsas de suas casas e viram as suas igrejas serem destruídas) data de há cerca de 4 meses atrás, mais exactamente do passado dia 17 de Março, o que prova que as minhas antigas publicações estão a ser rigorosa e metodicamente seguidas e escrutinadas dando assim lugar a repetidos bloqueios que visam impedir a divulgação e a partilha das minhas opiniões que como todos sabem são conservadoras, anti-socialistas, anti-globalistas, anti-multiculturalistas, desfavoráveis à «Ideologia de Género» e, na sua generalidade, “politicamente-incorrectas”, mas ainda assim tão legítimas e constitucionais quanto todas as outras.
Não se admirem pois, se de repente por aqui me voltarem a deixar de sentir e de ler, e saibam que nesse caso terei sido mais uma vez bloqueada por esta rede social que se encontra ao serviço de tudo e de todos aqueles que nos querem transformar em autómatos sem direito a opinião própria, em escravos do consumo exacerbado e em marionetas manipuladas pelos malditos Georges Soros desta vida!
Termino, agradecendo todo o apoio, todas as manifestações de carinho e todas as saudades accionadas na minha página, publicamente e através de mensagens privadas, de todos aqueles e aquelas (é bom não esquecer que só existem dois géneros: o feminino e o masculino) que ao longo desta minha ausência fizeram questão de gritar PRESENTE!»
A luta continua, Parrachitas!
Beijos mil.

Anúncios

0 comments on “Maria Vieira voltou ao facebook e não esconde revolta

Deixa o teu comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s