Pedro Fernandes poderá ser aposta da TVI às 19h00

Pedro Fernandes na TVI

Depois de ter trocado a RTP pela TVI, Pedro Fernandes poderá vir a ser a grande aposta da TVI para o horário das 19h00 e enfrentar Fernando Mendes na RTP e Cristina Ferreira na SIC.

Ao que o nosso site apurou junto de fonte próxima da TVI, o «Pedro Fernandes foi contratado com o objectivo de ajudar a TVI a renovar os seus rostos, que é uma das estratégias do canal, e para fazer a TVI subir as audiências, provavelmente no horário das sete da tarde, para alavancar os números nesse horário»

A confirmar-se, Pedro Fernandes deverá apresentar um concurso.

Em cima da mesa está também a hipótese de Pedro Fernandes de conduzir um talk show ao final da noite, um desejo de Bruno Santos para renovar o late night da TVI.

notícia EXCLUSIVA

Novela «Jesus»: esta 5ª.Feira Record TV recria A Última Ceia

Episódio Especial

Esta quinta-feira, a telenovela bíblica que a Record TV exibe em Portugal, de segunda a sábado, pelas 21h00, vai recriar um dos acontecimentos mais conhecidos da Bíblia: a Última Ceia, onde Jesus e os seus apóstolos dividiram uma refeição, e onde Jesus disse que iria ser traído por um dos seus apóstolos: Judas.

Jesus é crucificado, depois de ser traído pelo seu apóstolo, de nome Judas.

Um episódio especial para ver esta quinta-feira, dia 11 de julho, na Record TV, pelas 21h00.

Político comemora morte de Paulo Henrique Amorim:«morreu 1 canalha»

Político comemora morte do jornalista

Xico Graziano, já foi líder do PSDB , um partido brasileiro. Ele disse, entre outras coisas, que tinha morrido um canalha. 

Noutro momento, ele chega a insinuar que o jornalista teria ido para o inferno.

Quando morre um canalha me lembro das aulas de catecismo, em que o padre falava sobre o Céu e o Inferno. Aquilo me impressionava. Fazer o bem, ser cristão, em suma, era a receita para entrar na porta iluminada. Senão, o Diabo nos esperava na escuridão. Onde baterá a alma de PauloHenriqueAmorim?

— Xico Graziano (@xicograziano) July 10, 2019

NA FOTO: Xico Graziano . político brasileiro que comemorou a morte do jornalista

«Topíssima» a nova telenovela das 8 na Record Portugal

Já estreou a nova telenovela das oito da noite da Record TV em Portugal

TOPÍSSIMA estreou ontem, terça-feira, na Record Europa Portugal.

Em Portugal vai para o ar de segunda a sexta-feira, pelas 20h00.

ENREDO:

Na Zona Sul do Rio de Janeiro mora Sophia (Camila Rodrigues), uma empresária independente e bem sucedida, que sempre abriu mão de romances pela vida profissional. Prestes a assumir a presidência do Grupo Alencar, ela é obrigada pela mãe, a materialista e venenosa Lara (Cristiana Oliveira), a assinar um termo de que se casará dentro de um ano ou perderá o cargo. Quem não gosta disso é Paulo Roberto (Floriano Peixoto), meio-irmão de Lara que nunca teve direito à herança, mas que comandava o grupo pela incapacidade da perua, ficando amargurado ao ser rebaixado. Ninguém imagina que ele mantém uma rede de tráfico com o policial corrupto Pedro (Felipe Cardoso) e o químico Taylor (Emílio Orciollo Netto), que desenvolvem uma nova droga chamada Veludo Azul. Já na favela do Vidigal mora Antônio (Felipe Cunha), um taxista honesto, mas rústico e um pouco machista por ter amadurecido cedo para cuidar da mãe, Mariinha (Sílvia Pfeifer), dona do restaurante Cantinho da Laje, e da irmã Gabriela (Rafaela Sampaio), que vive um romance conturbado com Rafael (Marcelo Rodrigues Filho), filho de Paulo Roberto, que não admite ele namorado uma moça da favela.

Ao se conhecerem, Sophia e Antônio se detestam à primeira vista, mas acabam vivendo um intenso romance para desespero de Lara, que não quer a filha envolvida com um favelado, ainda mais quando descobre que Mariinha foi o grande amor de juventude de Carlos (Maurício Mattar), seu ex-marido por quem ainda é interessada. Além disso, visando retomar a presidência, Paulo Roberto passa a arma diversas situações para simular que Sophia e Antônio estão por trás do tráfico, tendo ajuda de Pedro, Taylor e de sua assistente e amante Yasmin (Juliana Didone), uma mulher ambiciosa e que esconde grandes segredos. Eles também tem como aliado Edison (Bruno Guedes), um universitário que vende drogas para se sustentar, mas se afunda cada vez mais nos planos da quadrilha. Quem investiga o caso é o delegado André (Sidney Sampaio) e os policiais Graça (Rayanne Morais) e Edevaldo (Eri Johnson) – que trabalha disfarçado como personal stylist de Sophia para vigiá-la e é perseguido pela ciumenta esposa Inês (Suzana Alves). Em dado momento André precisa lidar com sua ex-mulher, Thais (Samara Felippo), que o abandonou há 10 anos e retorna em busca da guarda da filha.

Ainda há outras histórias, como da batalhadora Madalena (Denise Del Vecchio), que vive em conflito com a filha mau-caráter, Jandira (Brenda Sabryna), que tem vergonha de morar na favela e tenta aplicar um golpe no cafajeste Vitor (Vitor Novello) acreditando que ele é rico. Dagoberto (Kadu Moliterno) comanda a república Pingo D’água, onde moram diversos estudantes: Isadora (Amanda Richter) é uma aspirante à atriz que só pega papeis de gosto duvidoso; Beca (Marcella Rica) diz que é vegetariana, mas come carne escondida; Sem Noção (João Villa) é atrapalhado e tenta usar o corpo malhado para conquistar as garotas; Zumbi (Felipe Silcler) estuda medicina, mas desmaia ao ver sangue; já o mulherengo Mão de Vaca (Fabio Beltrão) decide investigar por conta própria a origem do Veludo Azul. No Grupo Alencar trabalha Angélica (Pérola Faria), a invejosa assistente de Sophia, que faz tudo em troca de poder. in, wIKIPEDIA

VÍDEO:

VÍDEO:

VÍDEO:

ÚLTIMA HORA: morreu o jornalista Paulo Henrique Amorim

ÚLTIMA HORA

Morreu o jornalista brasileiro Paulo Henrique Amorim, que aos domingos entrava na casa de milhões de brasileiros com o seu «Olá! Tudo bem?»

O jornalista apresentou até junho, deste ano, o programa “Domingo Espectacular” na Record TV, aos domingos à noite. Foi vítima de um enfarte fulminante durante um jantar com amigos. Tinha 77 anos de idade.

No mês passado, junho, o jornalista foi chamado ela direcção da Record TV para ser informado que em julho já não seria um dos rostos do programa “Domingo Espetacular”, apesar de ter contrato até 2021.

Um dos jornalistas mais odiado da TV brasileira

Era, provavelmente o jornalista mais odiado da TV brasileira, Paulo Henrique Amorim foi afastado do ecrã, no mês passado, após ter sido apresentador durante 14 anos, ininterruptos, do Domingo Espetacular.

O jornalista de 77 anos resistiu a várias pressões políticas, lutando sempre pela verdade do jornalismo. Recentemente tinha criticado o ministro da justiça do governo de Jair Bolsonaro, o juiz Sérgio Moro, enfrentando o dono da Record TV, que é apoiante de Bolsonaro e de Moro.

A Record TV negou que o afastamento do jornalista se devesse à sua opinião crítica do governo de Bolsonaro.