Sem Marcelo Rezende, brasileiros deixaram de ter quem os defenda e quem os ajude a resolver injustiças | COM VÍDEO

jornalista-marcelo-rezende-20130725-002.jpg

Marcelo Rezende era a voz do povo

O jornalista era a voz do povo na TV, onde, diariamente no programa “Cidade Alerta”,  ajudava a resolver casos complicados na vida de muitos brasileiros.

Com a morte de Marcelo Rezende em setembro de 2017, os brasileiros ficaram sem voz e sem quem continuasse  a lutar por eles.

Cidade Alerta com Marcelo Rezende tinha Fabíola Guedelha como a Voz do Povo para ajudar a resolver casos sérios e complicados na vida dos brasileiros, principalmente casos de saúde que os hospitais não resolviam, ou demoram muito para resolver.

VÍDEO 1:

 

VÍDEO 2:

 

VÍDEO 3:

 

VÍDEO 4:

 

VÍDEO 5:

 

VÍDEO 6:

 

VÍDEO 7:

 

Record TV renova contrato com o jornalista Luiz Bacci por 3 anos

na_5be4703fbfa10.jpg

Luiz Bacci renovou contrato

O jornalista começou a brilhar na Record TV depois de Marcelo Resende apostar nele.

“O trabalho na Record TV é um marco na minha carreira. A emissora me trouxe oportunidades que contribuíram para meu amadurecimento profissional e tenho tido a satisfação de ver excelentes resultados da minha atuação. Por isso, fico muito feliz com a renovação do contrato, que é um reflexo dessa parceria que tem se mostrado tão bem-sucedida.”Renovei sim. Mais três anos”, disse

 

bacci02.jpg

NA FOTO: O apresentador Luiz Bacci posa ao lado de Antonio Guerreiro, Vice-Presidente de Jornalismo da Record TV

Vitor Gonçalves desmente Maria Flor Pedroso

voxpoptv.png

Tensão na informação da RTP

“Maria Flor Pedroso ‘apertada’ logo no primeiro plenário na RTP Diretora de Informação diz que a imagem da estação “é má” e que o seu projeto é “fazer bom jornalismo”.

O primeiro plenário de Maria Flor Pedroso na RTP – quinta-feira, dia 31 de janeiro – foi bastante tenso, sabe o CM. Perante uma vasta plateia, e rodeada da sua equipa, começou por dizer que não havia lugar a perguntas, pois era uma coisa rápida. Uma das jornalistas mais premiadas da estação, Margarida Metello, questionou-a: “Desculpa, mas estamos aqui para conhecer o teu projeto.”

Após responder que o seu projeto era “fazer bom jornalismo”, a diretora de Informação ouviu: “Mas isso é o que nós já fazemos.” Mais à frente, Maria Flor Pedroso disse que era importante melhorar a imagem da estação, que “lá fora é má”. Vítor Gonçalves enfrentou-a e disse-lhe que era falso o que estava a referir. Que há estudos na administração que provam que “a marca RTP é credível”. A diretora de Informação pediu para não a interpretarem mal, dando o exemplo da história da reportagem apagada de António Costa, que saiu no CM a semana passada. “As notícias que saem nos jornais sobre nós são sempre negativas.”
Ao CM, o rosto da ‘Grande Entrevista’ recusou-se a fazer comentários sobre a vida interna da estação: “É um princípio que tenho.”

O balanço do primeiro plenário de Flor Pedroso na RTP, incontactável até esta segunda-feira à noite, foi considerado “uma desilusão geral”. “Não há projeto, não foi apresentada a equipa e continuamos sem saber a quem estão entregues os pelouros“, lamenta fonte da redação ao CM. ” In, Correio da Manhã

Está a chegar a Portugal “The Four”: um novo reality show musical

the4-ep101_scshow-ray_0110_hires2-e1515170653245.jpg

The Four

Está a chegar um novo reality show musical!

A Record TV vai estrear em Portugal um novo formato, já no dia 10 de fevereiro, pelas 13h30: The Four Brasil, terá a apresentação de Xuxa Meneghel. O formato é da israelense Armoza, com produção da Endemol Shine Brasil e direção do núcleo de realities de Rodrigo Carelli.

sdsdf.jpg

Trata-se de um programa que começa por onde todos os outros acabam. Ele é diferente de todos das atracções do gênero, porque os quatro finalistas são mostrados logo de cara no primeiro episódio. O desafio deles é justamente manter seus lugares na competição e garantir o prêmio de R$ 300 mil.

“Conhecia o formato e curti muito o fato de ser uma batalha. Gosto disso, brigar por um lugar ao sol”, afirma a apresentadora. Xuxa ainda revela que adorou saber que comandaria a atracção: “Será mais um desafio pra mim!”

Xuxa-The-four-1140x641.jpg

Apenas os melhores, seleccionados criteriosamente pelos jurados, conseguem se qualificar entre esses finalistas. A cada semana, novos desafiantes tentam desbancá-los, fazendo com que a adrenalina da disputa nunca pare. Ou seja, a cada episódio, um novo finalista poderá surgir. O júri será composto pela cantora e atriz Aline Wirley, o produtor musical João Marcello Bôscoli e o cantor Leo Chaves.

Em cada programa, os desafiantes devem se apresentar e conseguir aprovação unânime dos jurados. A opinião deles nessa etapa é fundamental. Só com esse resultado, é que cada participante está habilitado para enfrentar um dos quatro finalistas em um duelo de voz. Nele, é a plateia quem escolhe o vencedor. Será que os finalistas vão conseguir manter seu lugar ou um novo talento irá tirá-los da disputa?

Xuxa-The-Four.jpg

MECÂNICA DO PROGRAMA

Logo no primeiro episódio, os desafiantes se apresentam no palco principal do The Four Brasil diante dos jurados. O candidato fica no centro do palco, ao lado da apresentadora. Em volta deles, há três círculos projetados no chão. Cada um representa o voto de um jurado. Após o comando de Xuxa, os círculos se acendem conforme o número de aprovações. Caso todos fiquem ligados, o desafiante já se qualifica para o duelo. Caso contrário, ele deixa a competição.

O programa exibe a apresentação do finalista e também de cada desafiante. Os jurados analisam as performances, e a plateia vota, usando um aplicativo, em seu favorito. Xuxa anuncia o resultado. Se o desafiante for o mais votado, toma o lugar do finalista entre os quatro e já fica liberado de duelar até o fim do episódio. Quando o finalista é o mais votado, mantém seu lugar e fica imune dos duelos até o final do episódio. Ou seja, a cada episódio, tudo pode mudar. Os finalistas não estão garantidos e são constantemente convocados a batalhar por seu lugar na disputa.

e0ec7b15a6fe44b0ac814029fc2ee392__ER7_RE_DE_0302_PEDIDO_08_2030kbps_2019_02_03_thumb_thumb.jpg

VOX POP TV com Planeta TV

“O Preço Certo” esmaga SIC e TVI

36345_51372_53349.jpg

O Preço Certo

O programa apresentado por Fernando Mendes começou a semana a roçar em 1 milhão de telespectadores.

TOP 3 – Horário das 19h00

1 – O Preço Certo, RTP1: 10,1% de rating e 24,0% de share

2 – First Dates – O Primeiro Encontro, TVI: 7,2% de rating e 17,0% de share

3 – O Carro do Amor, SIC: 7,2% de rating e 17,0% de share

 

NOTA: os dados aqui apresentados são da responsabilidade da CAEM/Gfk. (Dados Live+Vosdal)

“Faz Faísca” nova aposta de José Fragoso com fraca audiência

fazfaisca-1.jpg

Faz Faísca

O novo magazine sobre o social da RTP1 estreou no passado domingo

É mais uma nova aposta do director de programas da RTP1, José Fragoso, que estreou  mas sem sucesso.

“Faz Faísca” registou no dia de estreia 2,9% de rating e 9,1% de share, ficando atrás do “Primeiro Jornal” e de “Fama Show” da SIC e atrás do “Somos Portugal” da TVI.