Linha Aberta: a audiência de Hernâni Carvalho em novo horário

8da21fffae252501014388797075cc11_XL.jpg

Audiências

Linha Aberta de Hernâni Carvalho já se estreou em novo horário.

Linha Aberta, SIC registou 3,8% de rating e 18% de share e segurou o segundo lugar do pódio.

A TVI, no mesmo horário, foi líder e registou 4,2% de rating e 19,7% de share.

Já a RTP1, na mesma franja horária, registou 1,9% de rating e 9,2% de share.

Bronca: José Alho arrasa TVI e Manuel Luís Goucha

56bb54b60cf268202647bf41.jpg

Bronca!

Está instalada a polémica em torno do programa das manhãs dos dias úteis da TVI

Em causa está o facto do advogado Aníbal Pinto ter tido a oportunidade de se despedir dos telespectadores da TVI, enquanto José Fernando Alho não que decidiu mostrar a sua revolta e mágoa com a TVI e com Manuel Luís Goucha:

“Sr Manuel Luís, o dr Aníbal despediu-se dos telespectadores. E muito bem. Dois pesos e duas medidas. Vocês não deixaram despedir-nos dos telespectadores (…) Pelos menos este senhor teve a oportunidade de se despedir dos telespectadores. Já eu e o dr Antonio Brandão de Melo não nos foi dado essa hipótese. Até hoje as pessoas perguntam e nós encolhemos os ombros. Há cidadãos de primeira e cidadãos de segunda. Enfim é o que temos. Mas quem os ouve falar…Nem um obrigado. Fomos pastilhas elásticas.”

 

Anibal Pinto sai da TVI, recusa convite da SIC e vai para a CMTV

594bc9820cf2104a4a3286a2.jpg

Aníbal Pinto troca TVI pela CMTV

O conhecido advogado do “Você na TV” está de saída da TVI.

Foi na passada sexta-feira, ontem, que o advogado anunciou a sua saída da TVI, surpreendendo Manuel Luís Goucha que teria um comunicado para fazer:

Manuel, quero comunicar aqui abertamente e de forma expressa o seguinte: Saíram notícias, eu gosto pouco de contos e ditos, já alguém comentou que fui eu que coloquei as notícias, dizer o seguinte:

  • Primeiro, não vou para a SIC.
  • Segundo, fui convidado pela Cristina Ferreira para ir para a SIC.

A Cristina disse-me que aceitaria um não, porque sabia o carinho que eu tenho pelo Você na TV, pela TVI e sobretudo por ti, Manuel.

Mas a comunicação é esta. A minha vida não é a televisão, eu sou um advogado, faço a minha profissão com paixão e portanto não sou capaz de dizer não à Cristina, não sou capaz de dizer não ao Goucha e também não vou ficar na TVI. Vou deixar o entretenimento, vou deixar isto com muito carinho.”

Mas o que é certo, é que Aníbal Pinto vai continuar na televisão, agora como comentador do programa Rua Segura da CMTV.

“É muito difícil fazer opções, mas sem dúvida a informação que eu desejo comentar é a da CMTV. É a informação dos portugueses, para os portugueses e pelos portugueses.

Será um privilégio e uma honra fazer parte de uma equipa vencedora, no único canal que está sempre a crescer”

José Rodrigues dos Santos: “José Sócrates tentou-me calar” | COM VÍDEO!

img_818x455$2017_10_21_00_02_20_678538.jpg

Entrevista

José Rodrigues dos Santos revela que o antigo ex-primeiro-ministro José Sócrates o tentou calar, depois do seguinte episódio:

 

Em entrevista à revista TV Guia, o pivot da RTP conta o episódio que podemos ver no vídeo acima e diz que nunca mais viu José Sócrates “Nunca mais o vi. Anda fora de circulação”

Mas se o vir na rua diz que ainda “não” pensou no que lhe poderá dizer até porque “as entrevistas” que lhe fez “foram conversas com alguém que parte do princípio de que há coisas que não lhe osso perguntar” e fundamente, dizendo que coisas são essas “Então, se foi ele que começou a austeridade, se foi ele quem cortou os salários da Função Pública … Foi ele! Foi ele! Foi ele quem aumentou os impostos, cortou subsídios e no fim vem dizer que é contra a austeridade?! Alguém tem de lhe fazer a pergunta sobre como é que uma posição casa com a outra … Ou pede desculpa pelo que fez… diz que foi tudo um erro ou então não diz aquilo. O que fiz ali foi um mero exercício de jornalismo, não foi uma questão pessoal. Foi uma questão profissional. Impunha-se colocar a pergunta a alguém que esteve a governar um país durante seis anos e que no fim saiu e entregou a chave a um grupo de três estrangeiros. Foi isso que ele fez.” – concluiu

TV Guia: Mas José Sócrates pessoalizou e achou que o estava a atacar.

José Rodrigues dos Santos: Foi uma táctica para me intimidar. Tal comoas campanhas  da internet são encomendadas pelos partidos políticos que, de repente, têm muito dinheiro e contratam empresas de comunicação para lançar campanhas negras. Arranjam miúdos que criam perfis falsos e invadem as redes sociais com críticas negativas. José Sócrates pessoalizou porque não entendeu que fiz o meu trabalho. Quando levou aquilo para o lado pessoal foi para me intimidar. Para tentar que me calasse. Sou profissional, desmontei tudo aquilo e prossegui o meu caminho”, conta

Sobre se sentiu medo de José Sócrates na altura ou que a RTP o prejudicasse, José Rodrigues dos Santos diz que “é um bocado complicado. Uma pessoa não pode ser perseguida em 2018 em Portugal por fazer perguntas incómodas e indiscretas a um político. É o nosso trabalho fazer perguntas indiscretas. Aquilo (a maneira de como Sócrates reagiu) foi uma prática para intimidar. A nossa função é desmontar aquilo” – conclui