Cristina Esteves tenta esquecer afastamento do Telejornal

p3023_1_20171015

Cristina Esteves

A jornalista da RTP recorreu ao passado para tentar esquecer o seu afastamento do Telejornal

Foi através de uma fotografia com 22 anos que Cristina Esteves diz que ainda “Há dias bons e inesquecíveis”

voxpoptv2018.png

Trata-se de uma fotografia do seu casamento.

A jornalista foi afastada do Telejornal por decisão do jornalista e director de informação Paulo Dentinho. A última vez que apresentou o noticiário das 20h88 da RTP1 foi no passado fim-de-semana.

EXCLUSIVO: Paulo Dentinho violou código de ética que aprovou na RTP. CR dividido!

paulo-dentinho-e1524073938657

Bronca na RTP!

Paulo Dentinho, director de informação da estação pública, violou código de ética que ele mesmo aprovou para os jornalistas da RTP.

Ao escrever o seguinte texto nas redes sociais:

vox.jpg

DENTINHO VIOLOU CÓDIGO DE ÉTICA QUE ELE MESMO APROVOU

Paulo Dentinho violou o ponto 2.2.8, do Código de Ética que ele mesmo alterou e aprovou para os jornalistas da RTP, no qual é referido que os jornalistas da RTP “não devem proferir publicamente ofensas pessoais ou manifestar expressão pública de indignação noutros orgãos de comunicação social ou nas redes sociais mesmo fora do seu período profissional” :

voxpoptvcodigoeticajornalismortppaulodentinho.jpg

 

EXCLUSIVO VOX POP TV

“Vem justificar-se com as filhas mas esqueceu-se que se referiu a um ´herói nacional´”

Conselho de Redacção da RTP está dividido: “O Conselho de Redacção ainda não emitiu um comunicado porque está completamente dividido. De um lado estão 3 elementos independentes, do outro estão 3 elementos muito próximos de Paulo Dentinho. O problema é que não se entendem num ponto fundamental e que está claro como a água: Paulo Dentinho violou o código de ética que ele mesmo fez alterações e aprovou. Ele violou de forma grosseira o Código de Ética em vigor na empresa, aprovado pelo Conselho de Redacção que o próprio chefia por inerência. Vem justificar-se com as filhas mas esqueceu-se que se referiu a um ´herói nacional´. Em princípio, deverá sair um Comunicado assinado só, pelos 3 elementos independentes do Conselho de Redacção” – começa por dizer à VOX POP TV fonte próxima da RTP

 

RTP A FERRO-E-FOGO

“Por muito menos cairam ministros”

Elevadores da administração cheios de cópias

“Ontem à noite (sexta-feira), os elevadores que dão aceso ao piso onde fica situada a administração da RTP, estavam cheios de cópias do texto que Paulo Dentinho escreveu. E ainda vem negar que não há mau estar nos jornalistas da estação pública??? Por muito menos já cairam ministros. Quem não se lembra do Ministro da Cultura – João Soares – que foi demitido por ter dito que dava um par de estaladas a um colunista de um jornal?!” – conta  a mesma fonte ao nosso site

 

Há ou não inquérito a decorrer?

“Não sei de nada. Falou-se na abertura de um inquérito mas não passou disso mesmo, de uma mera hipótese.”

 

 

Fernando Gomes telefonou a Gonçalo Reis por causa de Dentinho

naom_5790b6f1198e9.jpg

Polémica Paulo Dentinho

Assim que estalou  a polémica em torno do texto de Paulo Dentinho no facebook, várias vozes insurgiram-se contra o director de informação da RTP.

Fernando Gomes, presidente da Federação Portuguesa de Futebol, segundo avança o grugo Cofina, telefonou directamente para Gonçalo Reis, presidente da RTP, para falar sobre o polémico que Paulo Dentinho tinha escrito no facebook.

Mas sobre o contacto de Fernando Gomes  com Gonçalo Reis a RTP nada quis dizer, preferindo não comentar o assunto.

 

23615596-750x501-lt.jpg

Na Foto: Gonçalo Reis – Presidente da RTP

Paulo Dentinho já reagiu à polémica que o seu texto causou

vip-pt-34685-noticia-paulo-dentinho-reage-polemica-lembrei-me-das-minhas-filhas.jpg

Polémica

O Director de Informação da RTP já quebrou o silêncio que mantinha em torno do polémico texto que escreveu no facebook.

Vários orgãos de comunicação social tentaram, durante a tarde de sexta-feira, obter uma reacção de Paulo Dentinho sobre o texto que o mesmo escrevera, mas em vão. O caso tornou uma proporção gigante e, ao fim do dia, o Director de Informação da estação pública acabou por se justificar.

“Não era nada contra o Ronaldo. Era sobre a necessidade de proteger as mulheres. Eu tenho três filhas e as histórias destas mulheres sensibilizaram-me. Publiquei aquelas mensagens na minha página pessoal. Eram mensagens que eu julgava estar a partilhar apenas com supostos amigos meus, tanto que nem sequer era possível partilhar essas publicações (…)  Fiquei perplexo pelas proporções que isto tomou… não quero falar mais sobre isso. Foi um momento. E todos temos os nossos momentos”. – disse

“Estava a preparar um programa sobre o aniversário do movimento ‘Me Too’ e isso, aliado ao facto de ter três filhas, fez-me ter um momento emocional. Não me estava a referir ao caso concreto de Cristiano Ronaldo”. – disse a outra publicação, CM
A outra publicação, Impala, Dentinho disse que “Voltei a lê-lo (o texto) e percebi que tinha escrito com uma linguagem muito forte. Lembrei-me das minhas filhas.  Nunca pensei no Cristiano e decidi apagar o post”
VOX.jpg
Antes do texto acima, Paulo Dentinho tinha escrito outro sobre o tema violações de mulheres:
“os homens que violam mulheres não gostam de mulheres”: “Não! Ela disse não! E ele não saiu porta fora com a masculinidade humilhada, antes ficou na noite onde embrulharam os corpos receosos. Desejava-a e adormeceu despejando-a. Mas ela tinha dito não! Um não sem hipótese de um sim. Respeitou esse não – não tinha como não respeitar. Desde essa noite ela não mais deixou de lhe dizer não”.