Hugo Andrade recorda o pai, após 5 anos da sua morte, num texto emotivo.

Hugo Andrade

Hoje é um dia muito difícil para o ex-director de programas da RTP.

Hugo Andrade, utilizou as redes sociais para falar da morte do seu pai, Luiz Andrade, um pioneiro da RTP que sempre vestiu a camisola da estação pública e que sempre esteve disponível para ajudar o canal público quando foi preciso.

Num texto emotivo, Hugo Andrade recordou o pai:

“5 anos.
Tenho sempre muita dificuldade em enfrentar este dia.
Se fosse possível um salto no calendário não hesitava.
É um dia de memórias tristes que tento compensar com o sorriso que me lembro dos tempos anteriores.
O sorriso que nos conquistava a todos.
Um sorriso feito de bondade, camaradagem, lealdade, esperança, conforto e amor.
Um amor que não me falta porque o sinto todos os dias, esteja ele onde estiver, porque os sorrisos que trocámos ficaram gravados onde nunca nada nem ninguém os poderá apagar.
Como o sorriso desta fotografia, apenas mais um, num dia comum.
Com a particularidade de naquele tempo usar as suas gravatas que me emprestava após uma cuidada seleção porque com ele nada era ao acaso, nada era feito sem um motivo.
Ser prestável, verdadeiramente prestável, sem querer nada em troca.
O meu Pai partiu há 5 anos.
Ficaram as memórias, a saudade, a obra, o sorriso, e também as gravatas que repousam no meu armário com o brilho possível, porque era ele que dava brilho a tudo o que o rodeava.
Amanhã é dia 7 de abril. Devia ser já.” – escreveu

29792427_2153982004822035_2395885748738850816_n.jpg

Anúncios

Deixa o teu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s