Tozé Brito defende-se das acusações de Luís Jardim!

Foi ontem que o produtor Luís Jardim teceu duras críticas ao júri deste ano do Festival RTP da Canção e, Tozé Brito, foi um dos visados:

“Conheço perfeitamente o Tozé Brito. É o pior exemplo para julgar um caso de eventual plágio. Um tipo que é diretor da Sociedade Portuguesa de Autores e protege o Tony Carreira não é confiável” – disse Luís Jardim

Agora, Tozé Brito defende-se:

“Não deveria dar tempo de antena a quem não me merece consideração, mas vejo-me obrigado a defender-me. Há duas coisas graves nas declarações do senhor Luís Jardim: em primeiro lugar, acusa-me de defender o Tony Carreira, algo que não compreendo. Os processos de Tony Carreira, como é público, estão a correr em tribunal e, portanto, em segredo de justiça. Nós na SPA não apoiamos nem defendemos ninguém: quando estes casos de suposto plágio chegam até nós, o nosso procedimento é sempre igual: contactamos peritos, pessoas com formação superior em música, maestros, para darem o seu parecer que depois são entregues ao tribunal. Quem decide se há ou não plágio são os juízes encarregues destes casos. A SPA não é um tribunal. Nestas questões legais eu não me considero qualificado para me pronunciar, coisa que pelos vistos o Luís Jardim considera ser, contrariando até o princípio da presunção de inocência até os tribunais se pronunciarem sobre os casos. O senhor Luís Jardim acusa-nos de nada percebermos de música, por causa do desempenho do José Cid no Festival, mas claramente não sabe do que fala porque eu e o Júlio Isidro, que ele também ataca, fomos os únicos elementos do júri que pontuaram – com valor elevado – o José Cid.

Quando nos acusa de sermos ignorantes talvez Luís Jardim desconheça que eu tenho um percurso de 50 anos na música. Eu não sei o que ele fez quando esteve em Inglaterra, não estava lá, não vi, e por isso nunca comentaria as suas habilitações, mas pelos vistos ele passou tanto tempo fora que também desconhece o meu percurso. Por isso mesmo, deveria abster-se deste tipo de comentários.

Não tenho qualquer interesse em alimentar novelas e, para mim, esta questão morre aqui. Se o senhor Luís Jardim está em busca de visibilidade, terá que procurá-la noutro lado”

Anúncios

Deixa o teu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s