Maria Vieira quebra o silêncio!

Maria Vieira escolheu a TVI para quebrar o silêncio!

Após vários meses de polémicas, por causa dos textos que tem escrito na sua página de facebook, Maria Vieira falou de quase tudo, menos da colega Ana Bola.

Leia agora as declarações mais importantes da actriz, na entrevista que deu hoje a Cristina Ferreira, no programa “Você na TV”:

  • “Eu não sou agressiva a escrever, a escrita é que é uma forma diferente de nos expressarmos”
  • “A perseguição que me fazem, a perseguição que os meios de comunicação fazem comigo, é tão grande que, eles chegam a criar perfis falsos para penetrar nos meus amigos virtuais que as páginas estão só para amigos”
  • “Eu disse que o Salvador é um idiota encartado, mas isso vinha num contexto de uma publicação de um amigo meu. Não foi escrito na minha página de facebook. Foi dito num contexto. Ora se retiram aquela frase isolada sem se perceber o seu contexto, fica uma frase desvirtuada”
  • “Este livro até existe para repor  muitas verdades e muitas calúnias que foram lançadas sobre mim injustamente”
  • “Eu não tenho é a culpa e, não posso evitar que, o jornalismo de hoje seja este. Constantemente, quase diariamente, os meios de comunicação social estão a bisbilhiotar a minha página de facebook e até, a seguir, o rasto dos comentários que faço em amigos virtuais e que depois que os publiquem da maneira que entendem. Ainda por cima escrevendo “Maria Vieira arrasa” Maria Vieira arrasa” “Maria Vieira ofende” “Maria Vieira diz mal”
  • “Olha minha querida, não se está a passar nada comigo, estou muito bem, muito feliz. Durmo tranquila, em paz, sem problemas de consciência nenhuns!”
  • “Que disparate! Estou casada há 32, já nem sei, 33 anos Amo o meu marido. O meu marido amam-me e, olha que até por isso, por causa disso é que as pessoas me invejam. Acho isto uma injustiça e uma maldade tão grande, tão grande. Como é que é possível pessoas que se dizem nossas amigas, que dizem que bem me conhecem, não se cuibirem de, através do pecado da inveja, estarem a espalhar as mentiras, as calúnias e as ofensas, sobre uma pessoa que dizem que gostam. As lágrimas vieram-me aos olhos porque é de uma maldade tão grande de dizerem que sofre de violência doméstica. Eu amo o meu marido!”
  • “As pessoas que lançaram esse boato (violência doméstica), que dizem isso, essas pessoas são mentirosas, são invejosas, são maldizentes e são hipócritas.”
  • “Olha, eu não quero falar sobre essa senhora (Ana Bola) e, até te peço, nem quero pronunciar o nome dela. Não quero falar sobre essa senhora. Eu não vejo essa senhora há quase quatro anos. Há quase quatro anos que as nossas vidas … eu fui para o Brasil, as nossas vidas profissionais deixaram-se de cruzar mas, dessa senhora eu não quero falar mesmo! Desculpa, não me leves a mal. Não vou falar dessa senhora porque, sabes que há pessoas que, eu já percebi, que devem de acordar a pensar em mim e deitam-se a pensar em mim. Estão obsecados completamente pela Maria Vieira. Deixem-me tranquila!”
  • “Olha, minha querida, como já te disse, não quero falar sobre essa senhora (Ana Bola) não quero nem falar, nem vê-la e … olha, espero bem, até ao fim da minha vida”
  • “Uma das últimas frases dos Lusíadas é a inveja- Eu sou das poucas actrizes portuguesas que tem uma carreira internacional. O facto de eu ter uma carreira internacional, à pouco todas estas queridas (público) quiseram tirar uma fotografia comigo, toda a gente me quis dar um beijinho, isto tem a ver com  a inveja, certa parte tem.”
  • “Eu não gosto de mostrar a minha parte fraca e, à bocadinho já mostrei (quando lhe caíram lágrimas durante a entrevista) mas eu sou forte, sou forte! No meio destas polémicas todas nunca chorei”
  • “Os meus textos incomodam muita gente, sobretudo a esquerda. Eu não me vou calar! Sei que há essa tentativa (de calar Maria Vieira). Há a tentativa de me intimidarem … ninguém me vai calar! Eu sei que remo contra a maré e que nada ganho com isso. Mas eu sou assim, sou assim e não me vou transformar num reles cata-vento, sem vontade, sem carácter”
  • “Hoje, quando saio há rua, as pessoas ainda se aproximam mais de mim do que antigamente”
  • “Muita gente concorda comigo, mas também há muita gente que tem medo de concordar comigo, porque o medo também está instalado neste país”
  • “O Professor Marcelo Rebelo de Sousa é o Presidente dos afectos, concordo contigo. Os afectos são muito importante, aprendi isso na Brasil. Não há nada melhor como um bom abraço. Não acho que ele esteja a excercer bem o cargo de Presidente da República. Para ele está tudo bem e, não está tudo bem, está tudo mal! Ele está de braço dado com este governo.”
  • VEJA O VÍDEO NO LINK ABAIXO

http://tviplayer.iol.pt/programa/voce-na-tv/53c6b3153004dc006243b077/video/59a69aec0cf2f1738a494ff6

Anúncios

Deixa o teu comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s