YouTube deu mais um passo no combate ao terrorismo

A Google e o YouTube já tinham avançado que iam implementar novas funcionalidades contra o conteúdo que incite à violência e ao ódio, o Youtube  esta semana deu mais um passo neste caminho.

Recorrendo ao chamado Método de Redirecionamento, o objetivo é que, quando alguém decidir procurar vídeos que sirvam como recrutamento extremista, que incitem à violência e ao ódio, ou que estejam relacionados com atos terroristas, sejam redirecionado para playlists que têm como objetivo reconfortar as pessoas que procuram estes conteúdos e que são contra as mensagens que são transmitidas nos vídeos de recrutamento.

As duas empresas confirmaram, num teste piloto realizado, que as pesquisas levaram a 320 mil visualizações individuais de “mais de metade um milhão de minutos dos 116 vídeos selecionados para refutarem os temas de recrutamento ISIS”.

Neste momento este método está a funcionar apenas na língua inglesa mas a plataforma tem planos para alargar às restantes línguas.

Anúncios

Deixa o teu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s