Maria Vieira critica jornalista da RTP | Media&TV – VOX POP TV

img_650x412$2015_05_08_13_01_13_100098.jpg

A actriz Maria Vieira diz ser uma telespectadora assídua do “Telejornal” da RTP1 e, na emissão de hoje, a “Parrachita” não deixou de escrever sobre a afirmação de um jornalista da estação pública que entrou em directo, no noticiário das 20h00 da RTP1.

Hoje, no telejornal da RTP, a propósito do jogo de amanhã, entre a seleção portuguesa e a sua congénere polaca, ouvi o repórter destacado pela estação – Manuel Fernandes Silva – dizer o que toda a gente sabe, ou seja, e passo a citar o competente repórter: “Que Marselha é a cidade com a maior taxa de criminalidade de França, uma espécie de caldeirão multicultural, onde 25% da população é originária do Norte de África”.
Posto isto, pensemos, meditemos e tiremos as nossas conclusões, isto digo eu, que nem sequer inventei esta notícia…” – escreveu Maria Vieira

8471700_5MNLM.jpeg

Na Foto: o jornalista Manuel Fernandes Silva

Carlos do Carmo repreendeu em palco Marcelo Rebelo de Sousa E António Costa

img_905x603$2015_10_02_15_05_47_486958

Carlos do Carmo repreendeu Marcelo Rebelo de Sousa em palco e o Primeiro-Minstro também não escapou ao raspanete.

No sábado, 25 de Junho, às 21h30, Carlos do Carmo deu um concerto no Anfiteatro ao ar livre da Fundação Calouste Gulbenkian. Com ele, como convidado especial, estava o brasileiro Ivan Lins. A acompanhar, a orquestra Gulbenkian. Na plateia, via-se Camané, Teresa Patrício Gouveia, ou Rui Vieira Nery.

Problema (pelo menos para alguns): à mesma hora, Portugal jogava com a Croácia os oitavos de final do Euro 2016. Daí haver na escuridão muitas luzes acesas, dos ecrãs dos telemóveis.

Carlos do Carmo sabia que a concorrência era de peso nessa noite, e começou o concerto por fazer um anúncio: “Disseram-me que o senhor presidente da Câmara, o Primeiro-ministro e o Presidente da República iam estar presentes. Mas ainda não chegaram, devem estar colados ao ecrã, o que compreendo”.

Mais tarde, Carlos do Carmo apercebeu-se de um pequeno erro. “Afinal, o presidente da minha cidade, o Dr. Medina, está cá desde o início, agarrado ao telemóvel, a sofrer, mas está”.

Marcelo Rebelo de Sousa e António Costa, não. “Devem vir a correr os dois”, gracejou Carlos do Carmo. “Portanto, isto vai ser um concerto de afectos e de um optimismo por vezes difícil…”, concluiu, para entusiasmo da plateia.

vip-12648-12650

O jogo entrou em prolongamento e uns vinte minutos depois algum gritou golo e depois ouviu-se um “acabou!” Portugal ganhou. Ivan Lins levantou-se do piano e aplaudiu.

Dez minutos depois, movimentação na plateia. “Aí estão eles…”, diz Carlos do Carmo. As cabeças viram-se para cima à espera de António Costa e Marcelo Rebelo de Sousa. Mas era só o primeiro, que vinha com a mulher e seguranças. Sorridente, Costa sentou-se dois lugares ao lado de Fernando Medina.

“Senhor Primeiro-ministro, para não dizerem que falo as coisas nas costas, vou repetir o que disse no início.” E Carlos do Carmo voltou a falar de afectos e optimismo. Depois, concluiu para Costa: “Olhe que isto [concerto] já está muito adiantado, está mais perto do fim do que do princípio.”

E quanto a Marcelo Rebelo de Sousa? “Já o senhor Presidente [Marcelo], deve estar quase a chegar, porque ele consegue chegar a todo o lado…”

Marcelo não chegou a aparecer.

Carlos do Carmo-01.jpg

Recorde-se que Marcelo Rebelo de Sousa estivera em França no Portugal-Hungria e afirmara, em declarações à RTP na zona das flash interviews, que não sabia se podia voltar para ver o Portugal-Croácia. “Vou ver se arrumo a minha vida, não estava previsto vir. Tenho umas cerimónias até às três da tarde.” Marcelo referia-se à Cerimónia Militar de Homenagem ao General Ramalho Eanes.

Pedro Mexia, consultor cultural do Presidente da República, diz à SÁBADO que não sabia do ocorrido, adiantando que “acontece com alguma frequência” Marcelo Rebelo de Sousa faltar a eventos devido a agenda sobrecarregada, havendo até “um encavalgamento de acontecimentos”. Pedro Mexia pediu alguns minutos para saber o que se passou. Novo telefonema e a posição oficial é a seguinte: “O senhor Presidente encontrou o Carlos do Carmo em Paris, houve um convite, ele disse que sim – ele tem tendência para dizer que sim – , mas [naquela noite] tinha uma comemoração familiar e acabou por não ir [ao concerto].” Nada a ver com o Portugal-Croácia? “O que me dizem é que tinha uma comemoração familiar”.

No dia seguinte, domingo, Marcelo Rebelo de Sousa esteve em Torres Vedras (na comemoração dos 60 anos da Adega Cooperativa de São Mamede da Ventosa) e referiu que durante o jogo com a Croácia foi contactado pelo seu homólogo de Moçambique e ficou “muito emocionado por ver que, de tão longe, havia, irmãos moçambicanos e outros que falam a língua portuguesa, além dos portugueses, a sofrer”.

Recorde-se que Carlos do Carmo tem 76 anos e é considerado o maior fadista português vivo. Em 2014, ganhou um Grammy, feito nunca antes atingido por um artista português. Tem um concerto agendado no Multiusos de Guimarães para 17 de Dezembro.

Os seus concertos já não são muito longos, por “ordens dos médicos”, como disse no sábado. A mais pedidos de encore, teve de recusar. “Não pode ser, ordens dos médicos, depois eu é que os aturo…”

In, Sábado

 

Sofia Ribeiro foi insultada por condutor e esposa

Sofia-Ribeiro_LSC.jpg

Depois de ter retirado o tumor, a atriz tenta regressar à sua vida normal. Nas redes sociais, Sofia Ribeiro contou um episódio que se passou no trânsito e em que foi insultada.

“Ao fim de uma semana de ter posto o sacana na rua, vinha eu na minha alegria de quem consegue voltar a conduzir. …Devagarinho, quase parada é certo, 😂mas lá fui eu ser um bocadinho independente e dar as minhas voltinhas. Estaria tudo muito bem , não fosse o estado das nossas estradas, dentro desta linda Lisboa que mais parece um queijo suíço! Buraco sim, buraco sim, tampa de esgoto sim, tampa de esgoto não. O que parecia simples, tornou-se um verdadeiro jogo cheio de “emoção”. Quanto mais buracos e tampas de esgoto, mais pontos! Mas os pontos, esses, já os tenho eu que chegue nas mamocas, que quase me saltam… (os pontos) de cada vezes que me desvio de um buraco e caiu noutro.”

“Pergunto eu, havia necessidade de termos a nossa cidade assim?… Hum… Acho que não. Não contente com esta aventura, já quase a chegar a casa, numa rua muito querida, cheia de uma linda calçada… que é o mesmo que dizer… Não respires e vai devagar a ver se isto não dói tanto e com sorte, chegas a casa com os mamilos no sítio onde os teus maravilhosos médicos amavelmente os colocaram. Lá vou eu a 40km, vá, 30km! 😂 E o carro de trás começa a buzinar como se não houvesse amanhã. Desvio-me para dar passagem aos senhores que vinham com certeza em urgência, só podia! Mas não, vinham mesmo só muito zangados. Param o seu carro ao lado do meu, o senhor, um doce. Só não chamou a minha mãe pelo seu nome, de resto não faltou nada. A senhora, que devia ser sua esposa… ” Atao pah, não andas?” Ao que eu respondo, minha senhora eu estava a andar mas vá lá a sua vida e vá com Deus. O Sr seu marido, continuava docemente a mandar-me para todos os lados possível e imaginários ( e não, não era para a Thailandia, onde quero muito ir quando isto tudo terminar)! … A Sra em jeito de carinho ( à sua maneira ) ainda me diz ” Olha eu era tua fã mas já não sou!” … ”

“E com esta se foi. Eu lá fiquei parada mais um bocadinho e pensei… Bem, noutra altura, eu que nunca fui santa nenhuma, pelo contrário! Levar desaforo para casa não era comigo, com certeza a coisa azedava. HOJE, o meu objectivo era somente, chegar a casa e chegar como sai. Bem, alegre e com os pontos todos. Prioridades! O que quero partilha é uma reflexão sobre o nosso egoísmo. Quem sou eu para julgar o direito de alguém estar zangado com determinado assunto. A verdade é que nenhum de nós tem ideia do que cada pessoa enfrenta internamente cada vez que se cruza connosco. Ainda assim, ser gentil só nos pode fazer bem. Mais que não seja, à alma. Digo eu! “Cada um sabe a dor e a delícia de ser o que é” Diz Caetano Veloso e a meu ver diz muito bem!”, escreveu a atriz no “Facebook”.

In, Impala

Goucha já reagiu ao “chapadão” de Gonçalo

ng1531924.jpg

O apresentador da TVI e do programa “MasterChef Júnior“, no qual o pequeno Gonçalo de 11 anos participou, já reagiu às declarações polémicas da mãe do ex-concorrente do programa de culinária.

Isto é difamação de quem não sabe perder. Se eu fosse a Shine, agia contra esta mãe (…) Faz algum sentido uma mãe saber que o filho é agredido  num programa e deixar que ele fique no mesmo? Faz algum sentido denunciar agora se o programa foi gravado em março? Isto é mentira. Não cabe na cabeça de ninguém”, disse Goucha

goncalo-masterchef-junior

Livro do médico João Ramos já vai na segunda edição

 

Medico-Familia-HP.jpg

9 de março será, para sempre, um “dos dias mais felizes” da vida do Doutor João Ramos. Ele é o Médico de Família que todas as semanas troca os consultórios pelo estúdio do Agora Nós, às quartas, e aos sábados, pelo Diga Doutor, programa do qual é protagonista.

Publicou um livro chamado “Um Médico para toda a Família” e, no lançamento, teve a ajuda da colega e amiga Tânia Ribas de Oliveira:

“Eu sabia que um dia estaria aqui, no lançamento de um livro dele, sabia que um dia ele teria o seu programa de televisão, e tem.”

O Médico de Família admitiu que está a viver a “realização de um sonho” e que, ainda hoje, às vezes não acredita “na espiral positiva” em que está.

Aos 38 anos, João Ramos contou que tem muito orgulho na medicina e no sistema de saúde português.

“Quero divulgar o que há de bom e melhor na medicina em Portugal; quero continuar a dar uma boa imagem da medicina em Portugal.”

Foi uma apresentação emocionada e emocionante, cheia de histórias de vida deste médico de família, assim como das pessoas que ao longo dos anos foram passando pelo seu consultório e o marcaram também.

In, RTP

O sucesso de vendas do livro fez com que a editora fizesse uma segunda edição do livro que continua a ser um dos mais vendidos em Portugal

Dr.-João-Ramos-lança-um-livro.jpg

 

Bronca na TVI: Produção terá batido no Gonçalo

 

13521911_10156941481390276_290290331151572916_n.jpg

A notícia é capa da TV7 Dias desta semana e está a causar revolta nos telespectadores do “MasterChef Júnior” da TVI.

goncalo-masterchef-junior.jpg

É  a mãe do Gonçalo que conta o que se terá passado nas gravações do programa de culinária da TVI:

Deram-lhe um grande chapadão!“, dispara a mãe do jovem concorrente que, conta ainda que os jovens concorrentes são obrigados a mentir.

 

Eduardo Cintra Torres arrasa RTP – Parte 2

img_905x603$2016_03_11_13_38_35_519791

Depois de ter arrasado o administrador da estação pública, Nuno Artur Silva, devido ao mesmo ainda ser detentor de 100% do canal Q, que já deveria ter vendido para poder ocupar o lugar que ocupa há mais de um ano na RTP, Eduardo Cintra Torres, crítico de TV, voltou à carga e voltou a descobrir a careca à actual administração da RTP.

Na sua crónica semanal, Eduardo Cintra Torres aborda a contratação de mais um director-adjunto para a informação da RTP.

“Triste sina, a servidão voluntária

A pouco e pouco, volta a RTP do costume. Lá vão aparecendo algumas notícias compostinhas para passar a mensagem do poder político. E lá entra outro simpatizante do governo na direcção. André Macedo sai do ‘Diário de Notícias’ para a Direcção de Informação (DI) da RTP.

ng3523531

Na Foto: André Macedo, o novo Director-adjunto da informação da RTP.

Tal como sucedeu com Paulo Ferreira, no tempo de Sócrates, Macedo não tem experiência de TV. Como ele, vai logo para a DI. Terá sido pelo seu êxito no ‘DN’? Não, pois o jornal perdeu 16% de circulação enquanto o dirigiu. Sucedeu o mesmo com outro simpatizante do governo que entrou para a DI em Março, António José Teixeira: não aumentou a audiência da SIC Notícias enquanto a dirigiu. É o destino de vários media portugueses nas últimas décadas: servem o governo do momento e perdem leitores e espectadores. Mas alguém ganha. Então numa empresa paga por nós, como a RTP… É ver a DI: pelas minhas contas, começou com quatro e já são oito. Não tarda são mais os chefes do que os repórteres.

img_999x556$2015_09_14_12_04_14_136309

Na Foto: Paulo Dentinho, Director de Informação da RTP

Morreu Bud Spencer

Nascera em 1929 numa família de classe média desafogada, que fugiu do fascismo e foi viver no Brasil. Foi nadador olímpico, recordista italiano nos 100 metros bruços e membro da selecção italiana de pólo aquático. Era simpatizante do Partido Comunista Italiano, e afastou-se dele quando visitou a URSS, em representação da Itália numa competição de pólo aquático.

Aos 27 anos trabalhou durante três anos como operário, na construção de estradas, na Amazónia venezuelana. Voltou depois a Roma, para estudar Direito, com classificações brilhantes. Mas dispersava-se na invenção de aparatos excêntricos, como uma escova de dentes com dentífrico integrado e uma bengala com uma cadeira acoplada.

Depois tornou-se actor e foi famoso em vários westerns e filmes policiais, em que aparecia como o “inspector Martelada” – alusão aos seus punhos demolidores. Foi contratado para westerns norte-americanos sem saber inglês e sem saber montar a cavalo – apesar de tudo, escolhido graças à sua corpulência, que era a característica requerida no casting do primeiro filme em que entrou. Com Terence Hill (na foto), contracenou no western “Trinitá, cowboy insolente”. O seu parceiro, também italiano, chamava-se na realidade Mario Girotti.

Em 1967 teve de adoptar um nome anglófono e decidiu-se por Bud Spencer: Bud a partir da cerveja Budweiser, a sua preferida; e Spencer em homenagem a Spencer Tracy, o seu actor preferido.

A notícia da morte de Carlo Pedersoli foi dada à imprensa pelo seu filho Giuseppe Pedersoli, que acrescentou ter o pai morrido serenamente e despedindo-se de todos com uma última palavra – “Obrigado”. A família postou no facebook que “Bud voou para a sua próxima viagem”.

IN, RTP

EURO2016: Croácia vs Portugal faz RTP1 líder de audiências

13524436_1715822585347821_314098544777526287_n.jpg

Um país inteiro, com Coração de Ouro, a ver o Euro 2016 da RTP1 e, garantimos que não foi só uma Única Mulher que assistiu ao jogo, foram bem mais 🙂

O jogo transmitido pela RTP1 conseguiu alcançar 31,4% de rating e 68,7% de share, mais de três milhões de telespectadores.

O jogo acabou com a vitória de Portugal nos últimos 7 minutos do prolongamento.

“A Única Mulher” e “Coração D´Ouro” foram a mínimos!

unnamed.jpg

Quando joga Portugal, não há telenovelas que resistam!

Enquanto na RTP1 se podia ver o jogo de futebol entre a Croácia e Portugal, a TVI e a SIC exibiam o seu principal produto de ficção que, perante a febre do Euro2016, não resistiram e registaram a sua pior audiência desde o dia da estreia.

Ainda assim, a novela da SIC conseguiu ter mais espectadores do que a novela da TVI.

Coração D´Ouro” da SIC registou um rating de 6,9% e um share de 13,6%. Enquanto “A Única Mulher” registou 5,9% de rating e 11,7% de share.

Um mau dia para o horário nobre dos canais privados.

Fernando Pimenta ganha segunda medalha de ouro nos Europeus de canoagem

ng2694100.jpg

Canoísta português consegue um feito inédito ao ganhar a segunda medalha de Portugal nos Europeus de canoagem.

Um dia depois do título em K1 1000, o atleta português voltou a mostrar toda a sua força e não teve rival à altura nos 5000, conseguindo uma inédita ‘dobradinha’

Com 20.09,690 minutos, Pimenta deixou o dinamarquês Rene Poulsen a 2,180 segundos e o bielorrusso Aleh Yurénia a 2,730.

Recorde-se que Fernando Pimenta sagrou-se campeão da Europa de canoagem em K1 1000, este sábado, em Moscovo.

O canoísta português, que dominou a prova do princípio ao fim, concluiu a prova em 3.29,040 minutos, batendo o dinamarquês Rene Poulsen (3.32,296), segundo classificado, e o húngaro Balint Kopasz (3.32.656), terceiro.

Fernando Pimenta conseguiu o feito inédito a dois meses dos Jogos Olímpicos, no Rio de Janeiro.

Resultados de Portugal nos Europeus:

K1 1000 Fernando Pimenta – CAMPEÃO DA EUROPA.

K1 5000 Fernando Pimenta – CAMPEÃO DA EUROPA.

K2 500 Emanuel Silva/João Ribeiro – 6.º.

K2 1000 Emanuel Silva/João Ribeiro – 10.º.

K4 1000 Fernando Pimenta/Emanuel Silva/João Ribeiro – 4.º.

IN, Sol

CR7 e o microfone da CMTV já é jogo de telemóvel

2016-06-22-13521080_10154585163119026_439557901_n.jpg

O famoso lançamento que Ronaldo fez de um microfone da CMTV para um lago de Lyon já pode ser replicado nos telemóveis. A Software Mobs, empresa de Leiria, criou o jogo de plataformas ‘Ronaldo CM’, em que o jogador veste a pele de Ronaldo e tem por objetivo caçar jornalistas, usando como arma o microfone da CMTV.

Veja o vídeo do jogo neste link: https://www.youtube.com/watch?v=p-2gVs_GthE

“Criado para a plataforma Android, o Ronaldo CM é um jogo de plataformas ao estilo Flappy Bird, onde o jogador tem de recolher o maior número possível de troféus antes de ser derrotado pelos seus inimigos”, explica a Software Mobs. O jogo promete muita diversão: “os inimigos de Ronaldo são jornalistas (com microfones) dentro de bolhas, que rolam de encontro ao nosso herói. Toda esta ação se desenrola no fundo do lago, isto para dar ainda mais ênfase à ironia do jogo”. O jogo está disponível para download gratuito na loja virtual Google Play.

IN, CM

Paulo Dentinho afasta Rui Alves Veloso da Economia.

phpThumb.php.jpg

As danças de cadeiras continua a todo o vapor na Direcção de Informação da RTP.

Agora, e depois do episódio com o jornalista António Esteves Martins, Paulo Dentinho volta a usar o seu poder para afastar o jornalista Rui Alves Veloso da pasta da Economia, onde estava há alguns anos.

Dentinho foi buscar o jornalista André Macedo para ocupar o lugar de Rui Alves Veloso na pasta da economia. André Macedo estava na direcção do Jornal de Notícias.

O jornalista agora afastado por Paulo Dentinho, Rui Alves Veloso, é um dos melhores jornalistas portugueses que mais entende de economia. Chegou a trabalhar com o ex-jornalista da RTP Carlos Vargas, outro profissional que trata a Economia por tu,  no programa de economia da estação pública, o “RTP Financial Times”.

ng3523531.jpg

Na foto: André Macedo – do JN para a RTP

O novo director-adjunto de Paulo Dentinho não tem experiência em jornalismo televisivo.

img_999x556$2015_09_14_12_04_14_136309.jpg

Na foto: Paulo Dentinho, o director que mais directores tem contratado na RTP. Não há memória de um caso assim na história da estação pública de tv.