RTP

A RTP vai despedir mais trabalhadores

dsc_6925_2.jpg

 A RTP vai voltar a reduzir o número de trabalhadores este ano.

A empresa pública de rádio e televisão prevê terminar o ano com 1614 funcionários, menos 52 do que em 2015 (ano em que a RTP tinha um total de 1666 trabalhadores). Contactada pelo CM, a administração do grupo não esclareceu, no entanto, como será feito o corte de pessoal. A concretizar-se esta proposta, inscrita no Plano de Atividades e Orçamento para 2016, num período de dois anos a RTP terá reduzido em 140 o seu número de efetivos.

Em 2014, tinha 1754 trabalhadores. No total, a empresa liderada por Gonçalo Reis prevê gastos com pessoal na ordem dos 72 milhões de euros. Menos 2,3 milhões do que no ano passado (74,3 milhões de euros) e uma redução de 3,8 milhões face a 2014 (75,8 milhões de euros). Estes valores não incluem, contudo, indemnizações por rescisão. Dos 72 milhões de euros inscritos no orçamento, cerca de 434 mil euros serão entregues aos órgãos sociais (administração e conselho fiscal), num total de 6 pessoas. Já os dirigentes da empresa (24) ficarão com 2,8 milhões de euros.

Aos restantes trabalhadores (1584) estão atribuídos gastos de mais de 68,7 milhões de euros. Recorde-se que, nos últimos anos, principalmente na administração liderada por Alberto da Ponte (que deixou a empresa em janeiro do ano passado), a RTP implementou vários planos de rescisões amigáveis que levaram à saída de centenas de trabalhadores.
In, CM

Anúncios

0 comments on “A RTP vai despedir mais trabalhadores

Deixa o teu comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s