Reviravolta: Sílvia Alberto já não substitui Malato nos serões da RTP

silvia-alberto

Daniel Deusdado anunciou a saída de Sílvia Alberto do programa “Só Visto!” para apresentar um concurso diário que substituiria o “Quem Quer Ser Milionário? – Alta Pressão”.

Mas afinal, Daniel Deusdado voltou atrás com a palavra dada e agora vai colocar Sílvia Alberto à frente de um formato semanal com o nome de “13”. Será um talk show com a duração de 75 minutos, com estreia marcada para outubro na RTP1.

“Ainda há detalhes do programa para acertar. É baseado numa ideia que já tinha desenvolvido antes, por isso ainda não posso contar mais nada (…) será uma espécie de talk show que vai misturar vários conteúdos e animar os portugueses” – disse Daniel Deusdado a uma publicação.

Exclusivo: Daniel Deusdado tenta segurar Tânia Ribas de Oliveira

José-Pedro-Vasconcelos-Tânia-Ribas-de-Oliveira-e-Daniel-Deusdado-Agora-Nós

Daniel Deusdado, director de programas da RTP1, está disposto a reparar o mal que causou a Tânia Ribas de Oliveira depois de ter anunciado o fim do “Agora Nós” à revelia da apresentadora da RTP, de José Pedro Vasconcelos e da Coral Europa, os quais ficaram surpreendidos com anúncio feito, em primeiro lugar, à imprensa e só depois aos visados, tal como a VOX POP TV noticiou em exclusivo.

Agora, ao que o nosso site apurou, o director da RTP está a tentar segurar Tânia Ribas de Oliveira na RTP:

“O Daniel (Deusdado) sabe que a Tânia (Ribas de Oliveira) tem lugar garantido na SIC, caso as coisas continuem a correr mal na RTP. Ele já falou com a apresentadora e desculpou-se da maneira como o processo foi conduzido por ele (…) Garantiu à Tânia e ao Zé Pedro que o “Agora Nós” volta para durar muito tempo na grelha da RTP (…) O Daniel sabe que corre o perigo de a RTP ficar “despida” de apresentadoras, já que as coisas  também não estão bem com Catarina Furtado”, CONTA FONTE JUNTO DA RTP À VOX POP TV.

As audiências da Estreia e a Indirecta de Tânia Ribas de Oliveira

Hoje, no início do programa, Tânia Ribas de Oliveira falou das boas audiências que o “Agora Nós” teve ontem, segunda-feira, 21 de setembro e, a dado momento na conversa com o Zé Pedro Vasconcelos acrescentou: “Agora vamos durar 10 anos, caso não nos troquem as voltas”, uma indirecta da apresentadora, que mostra a mágoa que ainda tem com Daniel Deusdado. A VOX POP TV sabe que o facto de o “Agora Nós” ter passada para as tardes não tem sentido nenhum para a apresentadora da RTP, uma vez que foi o “Há Tarde” que terminou e saiu da grelha da RTP1.

“Para a Tânia, estas trocas e baldrocas não fizeram sentido nenhum. Se foi o programa da tarde do Herman que saiu da grelha, o mais normal e, lógico, era que o regresso da Praça da Alegria fosse para as tardes” – conta-nos a mesma fonte.

Polémica na TVI: Marinho e Pinto vai fazer queixa da TVI e do RAP

Marinho e Pinto indignado com Ricardo Araújo Pereira - VOXPOPTV

O presidente do Partido Democrático Republicano (PDR) anunciou hoje que vai fazer uma participação à Comissão Nacional de Eleições (CNE) e à Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) sobre o programa de Ricardo Araújo Pereira na TVI.

“Queria começar esta declaração por manifestar-me absolutamente chocado e pessoalmente transtornado pelas imagens que vi ontem [segunda-feira] na TVI no final do Jornal das 8. Eu sou o presidente do Partido Democrático Republicano, eu sou candidato por Coimbra à Assembleia da República e o que vi no final desse espaço informativo foi uma pessoa desconhecida a urinar na minha imagem, a urinar numa fotografia minha”, afirmou Marinho e Pinto, no final de uma visita à feira de Leiria.

Dizendo ser das pessoas que “mais se bateu, bate e baterá em Portugal pela liberdade de expressão”, considerou, todavia, que esta deve ter “limites”.

“Não vale tudo em matéria política, não vale tudo em matéria de humor, não vale tudo, sobretudo, quando se ofendem tão desnecessariamente e tão cobardemente outras pessoas, outras instituições e a própria política portuguesa”, declarou, adiantando que vai participar esta situação à CNE e à ERC.

Marinho Pinto rejeitou, contudo, a possibilidade de dar “ao autor dessa infâmia o privilégio de ser réu ou arguido nos tribunais portugueses, porque, infelizmente, a generalidade dos tribunais portugueses não está à altura da responsabilidade que a Constituição lhes comete”.

O programa “Isso é tudo muito bonito, mas” é apresentado pelo humorista Ricardo Araújo Pereira.

No percurso pela feira, Marinho e Pinto ouviu críticas ao estado da saúde e ao “assédio moral” a trabalhadores, aconselhou as pessoas a fazer queixa e prometeu bater-se “pelo reforço dos direitos dos trabalhadores e dos seus representantes”.

O presidente do PDR, acompanhado, entre outras pessoas, pelo cabeça de lista por Leiria, Fernando Gonçalves, ouviu também muitos elogios e apelou sistematicamente ao voto.

“Podemos estar cansados, mas desistir é que nunca devemos fazer”, observou Marinho e Pinto, depois de ouvir uma compradora a lamentar-se do corte nos salários, enquanto um vendedor de legumes apontava as consequências das sucessivas políticas no setor da agricultura, destacando o desemprego.

Logo depois, Marinho e Pinto cruzou-se com a comitiva da coligação Portugal à Frente (PSD/CDS-PP), onde se encontrava, além da cabeça de lista, Teresa Morais, a ministra da Agricultura, Assunção Cristas.

Depois de trocarem os panfletos programáticos, Assunção Cristas, dirigindo-se a Marinho e Pinto, defendeu ser necessário garantir que “isto não anda para trás, agora que o país recupera um bocadinho, que continue a recuperar”.

“Você não tente convencer-me das virtudes das vossas asneiras”, retorquiu o presidente do PDR, que na feira de Leiria se encontrou ainda com a comitiva do PCTP/MRPP.

IN, eCONÓMICO/lUSA/vox pop tv

Sem “Mar Salgado” SIC perde liderança

38cd78d86b4eb499967f7b06f7680268-900x600

Ao primeiro dia de confronto sem “Mar Salgado” a nova telenovela da SIC “Coração D´Ouro” perdeu para a “Única Mulher” da TVI.

Ontem, segunda-feira dia 21 de setembro, a TVI alcançou 14,8% de rating e 30,3% de share com A Única Mulher, enquanto o Coração D´Ouro da SIC, não muito longe da TVI, alcançou 14,2% de rating e 29,1% de share.

Nos próximos dias vamos poder acompanhar qual das duas telenovelas passará a ser a líder de audiências no horário das 21h00.

Audiências: Agora Nós e A Praça

11046491_743887859050163_6417890002803744420_n

A RTP1 fez regressar a “Praça da Alegria” ontem, dia 21 de setembro, segunda-feira, e o “Agora Nós”.

Daniel Deusdado, director da RTP1, deu o tudo-por-tudo no dia da estreia mas o regresso de “A Praça” ficou em terceiro e último lugar nas audiências.

O programa da TVI “Você na TV” obteve o primeiro lugar do pódio ao registar 3,8% rat e 28,6% de share, enquanto o “Queridas Manhãs” da SIC ficou em segundo lugar alcançando 3,1% de rat e 22,4% de share. A tão badalada estreia da Praça da Alegria da RTP1 ficou com o terceiro e último lugar da tabela obtendo 2,5% de rat e 19,1% de share.

Já na guerra das audiências da parte da tarde foi “A Tarde é Sua” da TVI que alcançou o primeiro lugar fazendo 3,2% de rat e 17,5% de share.  A SIC ficou em segundo lugar com o seu programa “Grande Tarde” alcançando em rating de 2,3% e um share de 14,1%. E em terceiro lugar surge a RTP1 muito próxima da SIC, com o regresso do “Agora Nós”, que alcançou uma audiência de 2,2% de rat e 13,9% de share.

+TVI muda de posição na grelha da NOS

facExclusivo da operadora NOS, o canal +TVI vai ocupar, a partir de quinta-feira, a posição 74 da grelha, deixando para trás o canal 12 que ocupou desde o lançamento, ocorrido em janeiro de 2013.

“Informamos que a partir de 24 de setembro, este canal passa a ocupar a posição 74 da grelha de canais», informa o canal em rodapé”.